Ir para o conteúdo
Mostrar cesto Esconder cesto

Fórum Brasileiro de Economia Solidária

Voltar a Notícias Gerais
Tela cheia Sugerir um artigo

Acordo de Cooperação fortalece atividade da bovinocultura de leite

13 de Fevereiro de 2011, 22:00 , por Desconhecido - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 298 vezes

Nessa sexta-feira, a Fundação Banco do Brasil, o Banco do Brasil/DRS, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Distrito Federal, a Secretaria de Agricultura do Distrito Federal, a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal , a Federação da Agricultura e Pecuária do Distrito Federal, e a Cooperativa Agropecuária de São Sebastião assinaram Acordo de Cooperação que garantirá ao produtor rural ações direcionadas ao fortalecimento da atividade da bovinocultura de leite. O projeto é denominado "Brasília Leite Sustentável" e visa aumentar a produtividade e melhorar a renda dos produtores rurais do Distrito Federal.

O evento aconteceu na manhã desta sexta-feira, no Assentamento Três Barras, zona rural do Paranoá/DF. Na propriedade está sendo implantada a quinta Unidade Demonstrativa, que utiliza a metodologia do projeto Balde Cheio - tecnologia finalista do Prêmio Fundação BB de Tecnologia Social 2009 e que faz uso de uma técnica simples e barata para os produtores de leite, com foco na alimentação do rebanho, principalmente, das vacas em lactação, sob sistema de manejo intensivo.

"O nosso objetivo é identificar e implementar o que pode melhorar a vida da população e essa tecnologia vem fazendo isso. Sabemos que é possível disseminar se trabalharmos em conjunto", disse Dênis Corrêa, diretor executivo da Fundação BB.

Edmundo Pereira dos Santos é dono da propriedade onde está sendo implantado o "Brasília Leite Sustentável". Há três anos ele trabalha em 12,5 hectares de terra com plantações de mandioca, milho, capim e cana de açúcar. O produtor também tem em sua propriedade oito vacas, que lhe rendem 25 litros de leite por dia. "A minha esperança é que, com o Projeto, nossa produção aumente de 25 para 60 litros de leite. Estou bastante animado e sei que a tecnologia vai ser boa para todos daqui", conta.

De acordo com Renato Salinas, presidente da Cooperativa Agropecuária de São Sebastião, todo leite produzido nas propriedades contempladas pelo projeto será comprado pela cooperativa. Ela pagará o melhor preço e evitará a prática do intermediário. "Como não temos fins-lucrativos, todos os benefícios são repassados, diretamente, para os produtores", completa.

Mais informações

Fundação Banco do Brasil

Gerência de Comunicação e Mobilização Social

Portal: www.fbb.org.br

Endereço eletrônico: [email protected] / [email protected] / [email protected] / [email protected]

Telefones: (61) 3104-4657 / 3104-4658 / 3104-4667


Fonte: http://www.fbes.org.br/index.php?option=com_content&task=view&id=5762&Itemid=62

0sem comentários ainda

    Enviar um comentário

    Os campos são obrigatórios.

    Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

    Cancelar

    FBES - Fórum Brasileiro de Economia Solidária

    Brazil