Ir para o conteúdo
Mostrar cesto Esconder cesto

IMS

Voltar a Notícias
Tela cheia Sugerir um artigo

Chá com Prosa em Contagem celebra o mês dos museus

25 de Maio de 2016, 17:16 , por Instituto Marista de Solidariedade » Notícias - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 51 vezes

Chá com Prosa MG

“Cidade, lugar de memória”. Esse foi o tema da edição do Chá com Prosa, realizado, em 18 de maio, em Contagem (MG). O evento foi uma iniciativa do Instituto Marista de Solidariedade (IMS) e do Instituto Marista de Assistência Social (IMAS) em parceria com o Centro de Estudos Marista (CEM) e a Escola Marista Champagnat de Contagem. O objetivo foi promover debates sobre a cidade como espaço de construção da cidadania e dos direitos humanos. A edição do evento dialogou, ainda, com o crescente número de grupos sociais desalojados e a sua resistência em espaços geográficos que ocuparam por décadas ou até mesmo por séculos.

A edição comemorativa do mês dos museus contou com a presença da comunidade educativa e do público do segundo módulo do Curso Estadual de Desenvolvimento Local Sustentável, Solidário e Superação da Pobreza de Minas Gerais, realizado pelo Centro de Formação de Economia Solidária (CFES). Estiveram na atividade, como palestrantes convidados, Jorge Antônio, representante da comunidade dos Arturos, Heliene Margareth, moradora de Mariana (MG) e Noêmia de Andrade, historiadora e representante da Casa de Cultura e do Museu Histórico de Contagem.

O debate teve início com Jorge Antônio, que relatou os desafios da preservação dos elementos culturais de diversos grupos. Logo depois, a convidada Heliene Margareth conversou sobre o desastre de Bento Rodrigues ocasionado pelo rompimento da Barragem de Fundão. Ela descreveu, detalhadamente, todos os impactos sofridos na comunidade e no município de Mariana, ao destacar os danos ambientais, econômicos e, principalmente, os graves e irreversíveis danos humanos.

Por fim, Noêmia de Andrade falou da política patrimonial de Contagem, a história do município com foco na função e contribuição da educação patrimonial para a formação de cidadãos conscientes e ativos socialmente. Após a fala dos três convidados, os participantes puderam se expressar, fazer perguntas e emitir opiniões sobre os assuntos debatidos.


Fonte: http://marista.edu.br/ims/2016/05/25/cha-com-prosa-em-contagem-celebra-o-mes-dos-museus/

0sem comentários ainda

    Enviar um comentário

    Os campos são obrigatórios.

    Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

    Cancelar

    IMS