Go to the content
Show basket Hide basket
Go back to Segredos públicos
Full screen

Centro de Iniciativa e Gestão Local: proximidade e aprendizado

May 11, 2010 21:00 , by rosana kirsch - 0no comments yet | No one following this article yet.
Viewed 327 times

Os Centros de Iniciativa e Gestão (CIG) são associações sem fins lucrativos onde são prestados serviços para a comunidade local. A Rede OPE é composta por 30 CIGs que atuam em nível local (comuna), regional (mais de uma comuna) ou setorial (um setor produtivo).

Os-as trabalhadores-as que realizam estes serviços são aqueles que estavam desempregados-as, se cadastraram na Administração do Trabalho do Governo de Lux e encontraram espaço de trabalho do CIG. O tempo de permanência neste trabalho é de até dois anos, recebendo o equivalente ao salário mínimo (1.600euros).

No período de inserção no CIG, o-a trabalhador-a tem acesso à diversas formações:

  • línguas: em Lux se fala luxemburguês, francês e alemão. A comunicação informal costuma ser em luxemburgês, sendo importante aprendê-la para favorecer o contato com os clientes e buscar outras oportunidades de trabalho.
  • específicos: o-a trabalhador-a recebe formação na área específica do trabalho que realizará. Esta formação é feita por educadores da OPE e, no dia a dia, entre os próprios trabalhadores-as.
  • sobre questões gerais: sobre relações interpessoais e outros temas gerais que contribuam para a formação do-a trabalhador-a.
  • informática.


Em cada CIG tem uma equipe fixa, formada por um (ou dois) agente de desenvolvimento local, agente técnico, agente administrativo. Alguns destes quadros fixos ingressaram no CIG no período de inserção e foram contratados-as na equipe fixa.

Atualmente, a Rede OPE está com cerca de 900 trabalhadores-as (salaries), entre trabalhadores fixos e da inserção. Todas-os atuando em serviços para a comunidade, onde a criação de laços sociais de proximidade coloca-se como um dos principais objetivos, consolidando uma esfera econômica distinta da economia de mercado e da economia estatal.

Desafios

Neste curto período aqui em Lux, alguns desafios vão se apresentando:

  • Adequação das equipes fixas ao plano de carreira da OPE.
  • Com o aumento do desemprego, há mais pessoas buscando inserção do que as vagas oferecidas nos CIGs.
  • Os CIGs somente podem oferecer serviços que não entrem em concorrência com as empresas.
  • A constituição de espaços de trabalho autogestionário é dificultada pela legislação, que exige um depósito de alto valor para a abertura de uma empresa, além da exigência da educação formal específica para o trabalho que serã prestado pelo empresa.

0no comments yet

    Post a comment

    The fields are mandatory.

    If you are a registered user, you can login and be automatically recognized.

    Cancel