Ir para o conteúdo
Mostrar cesto Esconder cesto
Tela cheia Sugerir um artigo

Notícias

12 de Janeiro de 2009, 22:00 , por Desconhecido - | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Notícias publicadas no portal oficial da UFRB e clonadas nessa comunidade.

UFRB realiza Ato em Defesa da Autonomia Universitária e recebe ex-presidente Lula

18 de Agosto de 2017, 17:29, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

O presidente do Conselho Universitário (CONSUNI) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), reitor Silvio Soglia, convocou os conselheiros em ato público nesta sexta-feira, 18 de agosto, no campus de Cruz das Almas, para apresentar o comunicado oficial no qual suspende a entrega do título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva em cumprimento à decisão judicial da 10ª Vara Federal Cível da capital baiana.

Após o término da leitura do comunicado foi realizado um Ato em Defesa da Autonomia Universitária com a presença de autoridades locais, parlamentares, representantes sindicais e estudantis, do ex-reitor e atual secretário de educação do município de Lauro de Freitas, Paulo Gabriel Nacif, do secretário executivo da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais e Ensino Superior (Andifes), Gustavo Balduino, além dos reitores Naomar Almeida (UFSB), João Carlos Salles (UFBA), Evandro Silva (UEFS), Renato da Anunciação (IFBA), e o assessor especial da reitoria da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Marcius de Almeida Gomes.

A representante do sindicato dos servidores técnico-administrativos na UFRB (Assufba) Aida Maia fez a abertura do Ato. “A tentativa de interferir na autonomia universitária não pode quebrar o ímpeto da comunidade acadêmica em realizar as ações da universidade”, comentou.

O reitor Silvio Soglia demonstrou preocupação com a interferência na autonomia universitária e reafirmou a disposição da UFRB em realizar posteriormente a entrega do título honorífico ao ex-presidente como forma de reconhecimento do seu legado à expansão e interiorização do ensino superior público no Brasil. “Nós suspendemos a sessão solene em obediência a uma decisão judicial porque nós somos acima de tudo um povo respeitador das instituições desse país. Do mesmo modo, gostaríamos que respeitassem as decisões da nossa instituição e por isso estamos participando desse ato cívico de pessoas comprometidas com o desenvolvimento e com a democracia no Brasil. Aqueles que são defensores dessa Universidade serão todos bem acolhidos nesse momento”, concluiu.

Visita de Lula

Após o término do Ato, o reitor recebeu a visita do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva na Sala de Conselhos da Reitoria. O ex-presidente agradeceu ao reitor e os conselheiros e falou da sua alegria em voltar a UFRB. “Nossas universidades não servem apenas para dar título Doutor Honoris Causa, fiquei sabendo que tem uma filha de quilombola que conseguiu chegar à UFRB. Quando ela se formar e ganhar seu diploma, esse será meu título”, afirmou.

Confira vídeos e fotos do evento:

{gallery}noticias2017/visita-lula{/gallery}



Comunicado do Conselho Universitário da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

18 de Agosto de 2017, 10:32, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

Comunicado Oficial (PDF)

O presidente do Conselho Universitário (CONSUNI) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), reitor Silvio Soglia, no uso de suas atribuições, comunica a suspensão da Sessão Solene do CONSUNI do dia 18 de agosto de 2017, convocada para realizar a entrega do título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva pela instituição.

Esta decisão deve-se ao fato de não haver, até a emissão deste comunicado, resposta dos encaminhamentos solicitados à Advocacia Geral da União (AGU), no sentido de adotar medidas cabíveis de reforma da decisão judicial junto ao Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) em Brasília.

A UFRB esclarece que os atos administrativos de proposição, análise e aprovação da concessão do título honorífico seguiram todos os trâmites legais, conforme resolução CONSUNI nº 006/2011, que regulamenta a concessão de títulos desta natureza, em consonância aos princípios da administração pública. Portanto, a decisão judicial do processo 1003536-35.2017.4.01.3300 fere a autonomia universitária, consagrada na Constituição Federal (Art. 207).

Por fim, a UFRB reafirma sua decisão de realizar a entrega do título honorífico ao ex-presidente como forma de reconhecimento do seu legado à expansão e interiorização do ensino superior público no Brasil.

Cruz das Almas, 18 de agosto de 2017

Silvio Luiz de Oliveira Soglia
Reitor
Presidente do Conselho Universitário



Nota sobre entrega do título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Lula

17 de Agosto de 2017, 18:32, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) informa que recebeu com surpresa na tarde desta quinta-feira, 17 de agosto, a notificação da decisão do juiz Evandro Reimão dos Reis, da 10ª Vara Federal Cível da capital baiana, na qual suspende a Sessão Solene do Conselho Universitário (CONSUNI) convocado para realizar a entrega do título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva pela instituição. 

Essa decisão judicial fere um dos princípios fundamentais das universidades públicas que é a autonomia universitária. Reza a Constituição Federal que “Art. 207 – As universidades gozam de autonomia didático-científica, administrativa e de gestão financeira e patrimonial, e obedecerão ao princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão”. Portanto, a quebra da autonomia universitária gera perigoso precedente, de consequências danosas, para todas as universidades públicas brasileiras.

A honraria ao ex-presidente Lula é um antigo desejo de setores da comunidade universitária da UFRB, pela implicação do seu governo com a expansão e a interiorização do ensino público superior. Oportunamente, com a agenda pública do ex-presidente comunicando passagem pela Bahia e por Cruz das Almas, cinco membros do CONSUNI propuseram a concessão do título honorífico, conforme artigo 9º da resolução CONSUNI nº 006/2011, que regulamenta a concessão de títulos desta natureza.  

Após a solicitação da outorga, a Comissão Permanente de Títulos Honoríficos da UFRB emitiu parecer favorável a proposta que foi analisada pelos Conselheiros e aprovada pelo Plenário em sessão ordinária, realizada no dia 11 de agosto, por ampla maioria.  A entrega do título em sessão solene do Conselho Universitário foi agendada para o dia 18 de agosto às 11 horas, tendo em vista a presença do agraciado no município.

A UFRB informa que já solicitou que a Advocacia Geral da União (AGU) tome as medidas cabíveis para a alteração da decisão e aguarda o posicionamento do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), com a certeza de que o respeito à autonomia das instituições de ensino superior público seja preservado e garantido.



UFRB divulga nota sobre entrega do título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Lula

17 de Agosto de 2017, 18:32, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) informa que recebeu com surpresa na tarde desta quinta-feira, 17 de agosto, a notificação da decisão do juiz Evandro Reimão dos Reis, da 10ª Vara Federal Cível da capital baiana, na qual suspende a Sessão Solene do Conselho Universitário (CONSUNI) convocado para realizar a entrega do título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva pela instituição. 

Essa decisão judicial fere um dos princípios fundamentais das universidades públicas que é a autonomia universitária. Reza a Constituição Federal que “Art. 207 – As universidades gozam de autonomia didático-científica, administrativa e de gestão financeira e patrimonial, e obedecerão ao princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão”. Portanto, a quebra da autonomia universitária gera perigoso precedente, de consequências danosas, para todas as universidades públicas brasileiras.

A honraria ao ex-presidente Lula é um antigo desejo de setores da comunidade universitária da UFRB, pela implicação do seu governo com a expansão e a interiorização do ensino público superior. Oportunamente, com a agenda pública do ex-presidente comunicando passagem pela Bahia e por Cruz das Almas, cinco membros do CONSUNI propuseram a concessão do título honorífico, conforme artigo 9º da resolução CONSUNI nº 006/2011, que regulamenta a concessão de títulos desta natureza.  

Após a solicitação da outorga, a Comissão Permanente de Títulos Honoríficos da UFRB emitiu parecer favorável a proposta que foi analisada pelos Conselheiros e aprovada pelo Plenário em sessão ordinária, realizada no dia 11 de agosto, por ampla maioria.  A entrega do título em sessão solene do Conselho Universitário foi agendada para o dia 18 de agosto às 11 horas, tendo em vista a presença do agraciado no município.

A UFRB informa que já solicitou que a Advocacia Geral da União (AGU) tome as medidas cabíveis para a alteração da decisão e aguarda o posicionamento do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF), com a certeza de que o respeito à autonomia das instituições de ensino superior público seja preservado e garantido.



Estudantes de Medicina da UFRB promovem II Congresso de Medicina do Recôncavo

17 de Agosto de 2017, 14:29, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

Estudantes do curso de Medicina da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) deram início nesta quarta-feira, 16, ao II Congresso de Medicina do Recôncavo da Bahia (RECONMED). O evento, que segue até sábado, 19, traz como tema nesta edição “Perspectivas, Inovações e Desafios da Formação e da Prática Médica”. A cerimônia de abertura ocorreu no auditório do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia – Bahia (IFBA), em Santo Antônio de Jesus.

Compuseram a mesa de abertura o reitor da UFRB, Silvio Soglia; a vice-diretora do Centro de Ciências da Saúde (CCS) da UFRB, Vânia Alves; o secretário de Saúde de Santo Antônio de Jesus, Leandro Lobo; o presidente do Conselho Municipal de Saúde, José Brito dos Santos; o coordenador geral da Direção Executiva Nacional dos Estudantes de Medicina, Douglas Reis, e o coordenador geral do evento, Joanderson Cruz. No platéia, estudantes, profissionais da saúde, professores e médicos do Recôncavo da Bahia.

Em nome da comissão organizadora, Joanderson Cruz deu as boas vindas aos participantes do Congresso e aproveitou para agradecer a parceria dos estudantes de outras instituições de ensino superior que colaboraram com o evento. “Somos uma equipe de 60 membros de 14 universidades da Bahia. Espero que cada um aproveite os espaços desse evento para compartilhar e enriquecer seu aprendizado”, disse o estudante.

Pela segunda vez no Congresso, Douglas Reis destacou o papel dos estudantes como agentes de transformação. “É confiando nessa juventude que tenho atuado exclusivamente frente à Executiva e que estou aqui hoje para, juntos, dar respostas à sociedade brasileira que tanto espera de nós”, provocou.

A professora Vânia Alves destacou a relevância do evento e do protagonismo dos estudantes para o CCS. “Nós optamos na UFRB por um modelo de formação que coloca o estudante como protagonista desse processo e um evento desse porte é reflexo de que estamos no caminho certo, formando sujeitos que são propositivos e sensíveis às questões que perpassam a formação médica”, avaliou a vice-diretora, que ressaltou ainda: “acredito que quando um evento tem edições subsequentes é sinal de sua potência enquanto espaço de discussão e formação”.

O presidente do Conselho Municipal de Saúde, José Brito dos Santos, destacou a abnegação dos médicos e seu papel para garantir o melhor atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). “Que o grande legado seja, no futuro, vocês estarem distribuídos pelos nossos hospitais e postos médicos”, disse aos estudantes presentes. O secretário Leandro Lobo aproveitou o evento para falar do entusiasmo com os jovens acadêmicos, que relembrou os seus primeiros anos de atuação na Medicina. “Muita coisa não está nos livros, a exemplo de como gerir saúde pública de qualidade”, disse.

O reitor da UFRB encerrou as falas reafirmando o compromisso da universidade em apoiar as iniciativas dos eventos acadêmicos de forma democrática. “O estudante está pronto para fazer as coisas acontecerem e que bom que já existe essa rede de colaboração envolvendo diversas instituições. Isso é fundamental nos dias de hoje”, afirmou Soglia. “Vocês estão em uma universidade que em seus 12 anos aposta em excelência acadêmica e inclusão social, no Recôncavo e para o Recôncavo. Espero que vocês continuem por aqui e possam contribuir para o desenvolvimento local”.

Noite de homenagens

Ao final da cerimônia, os estudantes fizeram uma homenagem a médicos do Recôncavo da Bahia e professores do curso de Medicina da UFRB. Foram homenageados José Américo Resende Júnior, Ygor Gomes de Souza, Daniel Sales Portela, Márcia Reis Rocha Rosa, Jussara Argolo Guilhardi, Vilma Sarmento Reis e José Leonel Cafezeiro Argolo.

A conferência da noite intitulada “Perspectivas, inovações e desafios da formação e da prática médica: uma nova forma de pensar a saúde pública brasileira” foi preferida pela médica Júlia Maria Simão da Rocha, da Estratégia de Saúde da Família do município do Rio de Janeiro.

Programação completa

A programação do II RECONMED segue com debates que contemplam várias áreas de interesse dos estudantes de Medicina e profissionais da saúde. Estão previstas mesas de abordagem científica, cultural e política, apresentação de trabalhos científicos, minicursos, oficinas, conferências, colóquio e simpósio satélite.

O evento acontece em parceria e colaboração com estudantes das instituições de ensino superior: UEFS, UESC, UESB, UNIME, UNIFACS, UNIVASF, FTC, UFBA, UFOB, EBMSP, FASA e UNEB.

{gallery}noticias2017/congresso-medicina{/gallery}



Categorias

Bahia, Comunicação, Cultura, Formação, Marco Legal, Pesquisa e tecnologia, Políticas públicas, Relações internacionais, Saúde popular, Software, cultura e conhecimentos livres