Ir para o conteúdo
Mostrar cesto Esconder cesto
Tela cheia Sugerir um artigo

Notícias

12 de Janeiro de 2009, 22:00 , por Desconhecido - | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Notícias publicadas no portal oficial da UFRB e clonadas nessa comunidade.

UFRB recebe IV Congresso Baiano de Pesquisadores Negros

23 de Setembro de 2013, 16:44, por Desconhecido - 0sem comentários ainda

O campus de Cruz das Almas da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) sediou, no período de 18 a 21 de setembro, o IV Congresso Baiano de Pesquisadores Negros. Com o tema “Da Educação Básica à Pós-Graduação: Perspectivas e Estratégias para a Construção de Políticas Afirmativas de Gênero e Raça”, o evento reuniu pesquisadores das instituições de ensino superior da Bahia, Alagoas, Sergipe, Pernambuco e Maranhão.

O reitor da UFRB, Paulo Gabriel Nacif, presidiu a mesa de abertura do IV CBPN, que foi composta também pela presidente da Associação de Pesquisadores Negros da Bahia (APNB) e pró-reitora de Extensão da UFRB, Ana Rita Santiago; o pró- Reitor de Políticas Afirmativas e Assuntos Estudantis, Ronaldo Barros; o presidente da Associação de Professores Universitários do Recôncavo (APUR), David Romão; pela representante da Fundação Pedro Calmon, Fátima Fróes; e pelos professores Nilo Rosa (UEFS), Denilson Lessa (UNEB) e Marise Santana (UESB).

 “Nosso desejo é que o IV CBPN tenha um tom celebrativo. Nós queremos celebrar as conquistas da educação para as relações etnicorraciais no Brasil. No entanto, ainda são tantos desafios que temos que parar para refletir que caminhos traçar daqui para frente. Nesse sentido, o tom deste evento é ao mesmo tempo provocativo e propositivo”, disse a pró-reitora Ana Rita Santiago, em seu discurso de boas-vindas aos participantes do congresso.

Na conferência de abertura, a convidada foi a primeira mulher negra no Brasil a assumir a reitoria de uma Universidade Federal, a professora Nilma Gomes, reitora da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB). O principal objetivo foi motivar a elaboração de mapeamentos, diagnósticos e respostas que colocam em relevo as dimensões políticas e identitárias dos desafios para a democratização e a qualificação da educação brasileira.

As organizações políticas dos pesquisadores do Nordeste e as articulações nacionais, as relações entre gênero e políticas públicas, e a questão da violência para com a juventude negra foram alguns dos temas em debate nas mesas redondas. Também como parte da programação, foi realizada uma serie de minicursos e oficinas com foco na cultura afro-brasileira, relações etnicorraciais, identidade, literatura e ensino das culturas negras.

Um dos pontos altos do IV CBPN foi a homenagem póstuma ao professor Ubiratan de Castro, um dos fundadores do Centro de Estudos Afro-Orientais (CEAO) e então presidente da Fundação Pedro Calmon. E na parte cultural, as apresentações do Samba do Machucador e da Orquestra Sinfônica de Reggae Lyra Ceciliana de Cachoeira.

Confira fotos do evento (Crédito: Coletivo Moviola):

{gallery}noticias2013/cbpn{/gallery} 

 



UFRB é credenciada pelo MEC para oferta de cursos a distância

23 de Setembro de 2013, 14:38, por Desconhecido - 0sem comentários ainda

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) recebeu, no dia 12 de setembro, o credenciamento do Ministério da Educação através da Portaria nº 865/2013 para oferta de cursos superiores na modalidade a distância e instalação de um pólo de apoio presencial no campus de Cruz das Almas. A conquista ocorreu após a visita em 2012 de duas comissões do INEP com vistas à avaliação para fins de credenciamento institucional, tendo a UFRB alcançado nota 4 (numa escala de 1 a 5) em ambas as solicitações.

O credenciamento para Ensino a Distância (EAD) possibilita à UFRB a oferta de cursos de graduação, pós-graduação e extensão nos polos já existentes na Bahia e em qualquer Estado do país, tendo em vista sua participação no consórcio firmado entre Instituições Públicas de Ensino Superior (Ipes), iniciada em 2007. Com o credenciamento do polo de apoio presencial no campus de Cruz das Almas, cursos podem ser ofertados também nesta cidade.

De acordo com o chefe Núcleo de Gestão de Educação à Distância (NUGEAD), professor Ariston Cardoso, a partir deste credenciamento, a UFRB poderá oferecer uma infraestrutura ainda melhor, uma vez que ele possibilita a aquisição de equipamentos e serviços de tecnologia da informação. Outra vantagem será a possibilidade de fomentar cursos da UFRB pela Universidade Aberta do Brasil (UAB), sistema integrado por universidades públicas que oferece cursos de nível superior para camadas da população que têm dificuldade de acesso à formação universitária, por meio do uso da metodologia da educação à distância.

Está confirmado para 2014.2 o primeiro curso da UFRB na modalidade EAD. O Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas (CETEC), localizado no campus de Cruz das Almas, tem aprovado um curso de Licenciatura em Matemática na modalidade a distância e, após autorização do mesmo, outros cursos de graduação podem ser criados pela UFRB.

 



Projeto do CETEC desenvolve prótese ortopédica para crianças

20 de Setembro de 2013, 9:00, por Desconhecido - 0sem comentários ainda

"Ao lidar com próteses para amputados, esse trabalho mostra que tem, entre muitas possibilidades da ciência, um chamado nobre que é um viés da pesquisa tecnológica que pode introduzir e colaborar com causas humanas, sociais e da saúde relevantes para pessoas". A fala é do professor Nilton Silva do Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas (CETEC) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia. Ele é autor do projeto de construção de um dispositivo ortopédico que pode beneficiar diversas pessoas com dificuldades motoras.

O projeto teve início ainda na Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), local em que Silva realizou seu pós-doutorado. Na UFRB, desenvolveu sua pesquisa em conjunto com estudantes, entre eles, Nilton Pereira do Bacharelado em Ciências Exatas e Tecnológicas. De acordo com o estudante, o estudo das próteses é de grande importância à sociedade, pois permite descobrir novos métodos e técnicas no desenvolvimento de equipamentos cada vez mais eficientes. "Graças à Engenharia de Reabilitação, hoje é possível desenvolver e implantar ou recuperar partes do corpo de um ser humano que foram perdidas. Assim, pessoas que são beneficiadas por esta técnica ficam mais motivadas e criam mais expectativas de vida, bem como sua reinserção na sociedade", fala.

Orientado por Silva, Pereira desenvolveu uma pesquisa intitulada "recuperação da estrutura e conclusão de uma prótese biomecânica para apreensão infantil acionada por Shape Memory Aloy (SMA)". "As Ligas de Memória de Forma (SMA) são constituídas de um grupo de materiais metálicos e possuem a capacidade de restaurar o tamanho ou formato original quando submetidas a uma determinada temperatura, devido a alterações em sua estrutura cristalina", explica Pereira.

"Podemos perceber claramente como os pesquisadores ficam motivados quando vêem os resultados, eles vibram e têm uma sede de aprofundar nas investigações. Executando um projeto desta natureza, o aluno entende todo o processo de desenvolvimento e descoberta", destaca o professor Nilton Silva. Em sua opinião, todo projeto requer uma base teórica e conhecimentos científico do estudante para modelar, no entanto, enfatiza que muitos problemas da pesquisa referem-se a conhecimentos interdisciplinares.

Ainda em fase testes, o objetivo é que crianças amputadas façam uso das próteses. O projeto também foi aprovado para apresentação no Seminário Estudantil de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação (SEPIP), realizado na última quarta-feira, 18 de setembro.



Nova diretoria do CCAAB toma posse

19 de Setembro de 2013, 22:05, por Desconhecido - 0sem comentários ainda

Em cerimônia realizada nesta quarta-feira, dia 18, tomou posse para o quadriênio 2013-2017 a nova diretoria do Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (CCAAB) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB). O diretor Elvis Vieira Lima e o vice-diretor Josival Santos Souza foram conduzidos aos cargos pelo reitor Paulo Gabriel Nacif, após eleição junto à comunidade acadêmica.

Em seu discurso de posse, o novo diretor reforçou seu desejo de trabalhar por um CCAAB “conhecido e reconhecido como centro de excelência produtivo e produtor do desenvolvimento extensionista, técnico e científico no Recôncavo, no Brasil e no mundo”. Para cumprir sua missão, assegurou que apostará em um corpo docente e técnico qualificado, em infraestrutura de laboratórios, salas de aulas e campos experimentais, e em cursos de graduação e pós-graduação fortalecidos.

Graduado em Agronomia pela UFBA e pós-doutorado pela USP, o professor Elvis Vieira Lima atua na UFRB desde a sua criação em 2006, quando ocupou o cargo de chefe dos Cursos Lato sensu na Pró-Reitoria de Ensino e Pesquisa. Já o novo vice-diretor Josival Santos Souza possui graduação em Engenharia Florestal pela UFLA e doutorado pela UENF. Até o ano de 2012, foi presidente da Câmara de Graduação no Conselho Acadêmico (CONAC).

 “É um diretor preparado para a função”, declarou o reitor, na condição de ex-aluno e colega do professor Lima. “Em poucas pessoas eu vejo esse amadurecimento profissional. De forma tranquila, ele tem apontado as necessidades do CCAAB, sempre procurando incorporar as contribuições de diversos seguimentos”, disse. Para o professor Alexandre Almassy, que deixou o cargo de diretor, Nacif expressou o reconhecimento pelo bom trabalho realizado. “Não tenho dúvidas que ele deixa para todos nós um centro muito mais organizado”, afirmou.

Despedindo-se da função após seis anos, o ex-diretor pro tempore e, em 2009, eleito para administrar o CCAAB agradeceu o empenho de todos que colaboraram com as conquistas do centro nesse período. “O CCAAB de 2013 é bem diferente do de 2009. Acredito que o reconhecimento do mérito dessas realizações deve ser compartilhado entre gestores, discentes e servidores”, disse Almassy. Ao então vice-diretor Marcos Lhano, um agradecimento especial: “presente e atuante foi pessoa que qualificou de forma discreta, honesta e convicta nossa atuação”.

Confira fotos da cerimônia de posse:

{gallery}noticias2013/posse-ccaab{/gallery}

 



PRPPG promove Seminário Estudantil de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação

19 de Setembro de 2013, 14:42, por Desconhecido - 0sem comentários ainda

{youtube}sLvADw7da-Y{/youtube}Os discentes da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) se reuniram nesta quarta-feira, 18, no campus de Cruz das Almas para divulgar e trocar experiências sobre as pesquisas desenvolvidas no âmbito da instituição. O Seminário Estudantil de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação (SEPIP) foi uma promoção da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PRPPG), com apoio das agências de fomento FAPESB, CAPES e CNPq.

Na palestra de abertura, o pró-reitor de Pesquisa da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Renato Santos, falou sobre o tema “Inovação e Tecnologia no Brasil e no Mundo”. Santos fez um panorama atual sobre investimento científico e como as universidades podem contribuir para alavancar a posição do País no cenário mundial. “Inovação na universidade não é e jamais será desvinculada de produção científica. Só seremos capazes de contribuir de forma sistemática para o processo de inovação no Brasil tendo uma pesquisa bem estruturada”, defendeu.

Para o pró-reitor, apesar da diferença entre a visão de inovação na universidade e na indústria, os dois investimentos devem estar juntos. “O investimento empresarial é muito importante porque direciona o foco da pesquisa acadêmica para a inovação”, disse. Ele citou exemplos de parcerias da UFMG com empresas como a Biofarma, Petrobras, Vale, entre outras, que permitiram colocar no mercado produtos com patentes brasileiras através da transferência de tecnologia.

Numa comparação com outros países, Santos esclarece que o Brasil ocupa desde 2009 a 13ª posição no número de pesquisas científicas desenvolvidas, mas que precisa avançar do ponto de vista qualitativo. Ele aposta em potenciais caminhos que podem ampliar a difusão e o impacto das produções brasileiras, a exemplo da tradução para o Inglês. E acrescenta ainda: “a colaboração científica é essencial e estratégica, e não só entre colegas do mesmo Estado, mas também do mundo”, disse, deixando o convite para futuras parcerias.

A pró-reitora de Pesquisa e Pós-Graduação da UFRB, Ana Fermino, agradeceu ao professor convidado e reforçou a necessidade de uma estrutura de pesquisa fortalecida na universidade. “A iniciação científica é um programa que nós trabalhamos com muito cuidado, sempre buscando ampliá-lo, pela importância que tem na formação do estudante e para o desenvolvimento da instituição e da região do Recôncavo”, disse Fermino. O evento seguiu com as apresentações de trabalhos.

Confira fotos do SEPIP:

{gallery}noticias2013/sepip{/gallery}

 



Categorias

Bahia, Comunicação, Cultura, Formação, Marco Legal, Pesquisa e tecnologia, Políticas públicas, Relações internacionais, Saúde popular, Software, cultura e conhecimentos livres