Ir para o conteúdo
Mostrar cesto Esconder cesto
Voltar a Consumo Consciente ABC
Tela cheia Sugerir um artigo

Deliberações da assembléia geral ordinária do CCABC de 22 fev 2014

25 de Fevereiro de 2014, 6:49 , por Consumo Consciente ABC - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 110 vezes

No dia 22 de fevereiro foi realizada a 1ª assembléia geral ordinária do CCABC de 2014, na Afroescola, das 14h às 17h. Compareceram 20 pessoas entre produtores e consumidores. No geral conseguimos suprir todas as demandas e abaixo segue as discussões e deliberações feitas.

Consumidores e Produtores reunidos decidindo juntos os caminhos do CCABC 

Na pauta os seguintes pontos:

1-) Mudança do ponto de distribuição;
2-) Reajuste dos preços da APROATE;
3-) Regras de crédito e destino do excedente;
4-) Formação do MUDA-ABC;
5-) Informe da Escola Livre de Ciências e Artes.

1-) Mudança do ponto de distribuição: o Conselho Gestor identificou, a partir da análise da localização [email protected] [email protected], possíveis pontos de distribuição mais viáveis que a UFABC; Diante da disponibilização dos espaços da Casa da Lagartixa Preta (do Ativismo ABC) e do Laboratório Urbano (da Afroescola) e das novas necessidades [email protected] [email protected], ficou resolvido:

AS DISTRIBUIÇÕES OCORRERÃO QUINZENALMENTE, ALTERNANDO ENTRE OS PONTOS CASA DA LAGARTIXA E LABORATÓRIO URBANO;

A DISTRIBUIÇÃO PASSARÁ A OCORRER AOS SÁBADOS, DAS 10H ÀS 13H;

AS DISTRIBUIÇÕES OCORRERÃO NO SEGUNDO E QUARTO SÁBADOS DO MÊS, E OS PEDIDOS AOS PRODUTORES DEVERÃO SER FEITOS ATÉ A QUINTA-FEIRA ANTERIOR.
PARTICIPAREMOS DA FEIRA GAIOLA ATMOSFÉRICA, NO PRIMEIRO DOMINGO DE CADA MÊS, COM PRODUTOS NÃO PERECÍVEIS DO ESTOQUE;

NÃO SERÁ ORGANIZADA A COMPRA PARA A SEMANA DO CARNAVAL DEVIDO A POSSÍVEIS PROBLEMAS NA DISTRIBUIÇÃO;

A PRÓXIMA DISTRIBUIÇÃO OCORRERÁ EM 15 DE MARÇO, NA CASA DA LAGARTIXA PRETA MALAGUEÑA SALEROSA.

Fachada da AfroEscola Laboratório Urbano, na Av. Atlântica, 904 - Santo André - SP
Este espaço será aberto para as entregas do CCABC, unindo assim Cultura e Empreendedorismo

2-) Reajuste dos preços da APROATE: os produtores da associação informaram a necessidade de incorporar ao preço dos produtos, vigente nos últimos dois anos, os aumentos nos custos de produção e transporte. A proposta inicial foi de reajuste de R$0,50 por unidade ou a diminuição na porção de produto. A partir da contraproposta do Conselho Gestor de viabilizar o acesso aos insumos em troca do barateamento dos produtos, ficou decidido:

A APROATE ENVIARÁ EM 23 DE FEVEREIRO A TABELA COM A PROPOSTA DE AUMENTOS DE PREÇO E/OU REDIMENSIONAMENTO DAS EMBALAGENS, QUE VALERÃO A PARTIR DA PRÓXIMA COMPRA; Confira aqui a nova tabela de preços da APROATE para grupos de consumo.

OS NOVOS PREÇOS ESTABELECIDOS PERMANECERÃO INALTERÁVEIS POR, NO MÍNIMO, UM ANO;

OS PRODUTORES ESTÃO DISPOSTOS A TROCAREM INSUMOS POR PRODUTOS E POR ESPAÇO, TENDO PRINCIPAL INTERESSE EM MÃO-DE-OBRA, ADUBO, COMPOSTO, HUMUS, INSETICIDAS, LESMICIDAS, SEMENTES E MUDAS;

3-) Regras de crédito e destino do excedente: devido ao crescente aumento da procura dos consumidores, à dificuldade em sistematizar as compras não retiradas,o acúmulo de créditos e de excedente de produtos, além da necessidade da presença de um membro da equipe na oficina de comercialização oferecida pelo Instituto Kairós, ficou decidido que:

@ [email protected] QUE PAGAR SUA CESTA E NÃO RETIRÁ-LA NO DIA DA DISTRIBUIÇÃO, PERDERÁ O VALOR DO FRETE (R$10) MAIS 50% DO VALOR TOTAL EM PRODUTOS PERECÍVEIS DA COMPRA, RECEBENDO EM CRÉDITOS O RESTANTE DO VALOR;

OS CRÉDITOS PODERÃO SER UTILIZADOS ATÉ A COMPRA SEGUINTE, NOS PRODUTOS DISPONÍVEIS NA NOVA COMPRA;

O VALOR PAGO EM PRODUTOS QUE NÃO ESTIVEREM DISPONÍVEIS NO ATO DA COMPRA PODERÁ SER RETIRADO EM PRODUTOS DIFERENTES APÓS O TÉRMINO DA DISTRIBUIÇÃO OU UTILIZADO NA COMPRA SEGUINTE;

A REINCIDÊNCIA NA NÃO RETIRA DA CESTA ACARRETARÁ NA PERDA DO VALOR TOTAL DA COMPRA. O EXCEDENTE VERIFICADO AO TÉRMINO DA DISTRIBUIÇÃO SERÁ MANUFATURADO E OFERECIDO NA PRÓXIMA COMPRA;

A COMPANHEIRA LÍDIA MOURA SERÁ NOSSA REPRESENTANTE NA OFICINA DE COMERCIALIZAÇÃO DO INSTITUTO KAIRÓS QUE ACONTECERÁ EM MARÇO NO RIO DE JANEIRO.

4-) Formação do MUDA-ABC: Conforme as discussões iniciadas na Oficina Agroecológica de 15 e 16 de fevereiro e devido à necessidade de organizar os coletivos e independentes que tem aproximado-se do CCABC, a Extensão Rural em Agricultura de Suporte Comunitário se desdobrará no Movimento Urbano de Agroecologia do ABC (MUDA - ABC), com o objetivo de aglutinar profissionais e entusiastas em Agroecologia da região em um fórum comum. Os coletivos já presentes (CCABC, Afroescola, Ideia Natural e Quintal Orgânico) e @s ativistas independentes iniciarão a articulação para sistematizar objetivos comuns como: levantamento dos pontos de cultivo, análises de solo e contaminação dos produtos produzidos na região, troca de insumos e recursos e organização de atividades abertas para a troca de experiências e iniciativas. Em breve faremos o chamamento à reunião do MUDA - SP, coletivo paulistano de agroecologia, para analisarmos as possíveis parcerias.

5-) Informe da Escola Livre de Ciências e Artes: devido à necessidade de fundos para a manutenção do Ateliê autônomo "Casa da Memória Coletiva" da Escola Livre em Itapecerica da Serra e à comunhão de idéias entre esse coletivo e o CCABC, foi aprovada por unanimidade a utilização da plataforma de compras coletivas para a arrecadação de doações voluntárias, que já cede voluntariamente seu espaço às experiências agroecológicas do CCABC.

0sem comentários ainda

    Enviar um comentário

    Os campos são obrigatórios.

    Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

    Cancelar