Gehe zum Inhalt

Warenkorb

Warenkorb leeren
Einkauf beenden
Gesamt:
Warenkorb anzeigen Warenkorb verstecken
Zurück zu Notícias
Vollbild Einen Artikel vorschlagen

UFRB destaca-se com intercâmbios de graduação em Portugal e na França

May 31, 2019 12:19 , von UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0no comments yet | Es folgt noch niemand diesem Artikel.
223 Mal angesehen:

{youtube}WHbxG-FTRxo{/youtube}

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) tem-se destacado com seus estudantes de graduação fazendo intercâmbio acadêmico em Portugal e na França. A UFRB já conta com vinte convênios de intercâmbio com países como Austrália, Alemanha, Argentina, Bélgica, Cuba, Chile, Honduras, México, Reino Unido, EUA, Espanha, Moçambique e Portugal. Esses intercâmbios fazem parte do processo de internacionalização da UFRB, fundada há pouco mais de treze anos.

A Superintendência de Assuntos Internacionais (SUPAI) acaba de divulga o resultado do processo seletivo para intercâmbio acadêmico de nove estudantes dos cursos de Agronomia e Engenharia Sanitária e Ambiental (ESA) na França, no âmbito do Programa CAPES/Brafagri.

O programa financiado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) consiste em parcerias universitárias nas áreas de ciências agronômicas, agroalimentares e veterinária; disciplinas correlatas, exclusivamente em nível de graduação, para fomentar o intercâmbio em ambos os países e estimular a aproximação das estruturas curriculares, inclusive a equivalência e o reconhecimento mútuo de créditos obtidos nas instituições participantes, além de promover o incentivo à aprendizagem do idioma dos países envolvidos.

Os estudantes do ESA, Daniela Souza de Lucena, Matheus Ribeiro de Jesus Cerqueira e Taiara Sampaio Santos, vinculados ao Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas (CETEC) foram selecionados para o intercambio na mobilidade Graduação Sanduíche, na Ecole Nationale du Genie de l'eau et de l'environnement (ENGEES), renomada escola na área de Engenharia, situada na cidade de Estrasburgo, na França.

Os estudantes Manoel Messias de Novais Junior, Elienay Vinicius da Silva Dutra, Nalbert Silva dos Santos, Ruan Oliveira da Rocha Cruz, Rafael Bandarra Neves e Ila Adriane Maciel de Faro, do curso de Agronomia, vinculados ao Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (CCAAB) também foram selecionados e farão o intercambio nas cidades de Dijon (AgroSupDijon), Toulouse (ENSAT) e Bordeaux (BordeauxSupAgro).

Este ano, todos os nove selecionados conseguiram aprovação, em tempo recorde, na proficiência em Francês no nível B1 (intermediário). Os professores de Francês responsáveis pelo aprendizado dos alunos, em ação conjunta, foram a servidora da Pró-Reitoria de Extensão e mestre em Gestão de Políticas Públicas e Segurança Social, Adriele Sousa e o professor Evair Teixeira, licenciado em Letras com Francês pela Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) com graduação sanduíche pela Université de Rennes 2 (França), contratado através de mediação da Superintendência de Assuntos Internacionais (SUPAI). 

O período do intercâmbio será de 12 meses, de setembro de 2019 a junho de 2020, com a concessão de bolsas de estudos na modalidade graduação-sanduíche, incluindo o custo do deslocamento, a taxa de instalação e o seguro saúde.

O programa CAPES/BRAFAGRI é coordenado na UFRB pelos professores Oldair Del'Arco Vinhas Costa e Roberta Alessandra Bruschi Gonçalves Gloaguen.

O intercâmbio consente que “os estudantes ampliem as possibilidades de aprimoramento de conhecimentos técnicos e pessoais a partir de novas relações com outras pessoas, outros idiomas e outras culturas”, atesta a professora Roberta Bruschi. “O intercâmbio permite que os estudantes conheçam novos métodos de ensino e pesquisa e tenham contato com professores e pesquisadores com reconhecida competência em diferentes áreas do conhecimento”, completa Roberta.

Para Oldair Costa, viver um tempo fora do país proporciona inúmeros aprendizados. O fato de sair da sua zona de conforto faz o estudante começar a pensar diferente e a enxergar o mundo de outra maneira — afinal, ele vivencia a realidade a partir de outra cultura e pode ver o seu próprio país sob uma perspectiva distinta. “Da mesma forma, o mercado de trabalho está cada vez mais exigente, e é importante pensar nisso desde jovem. Um dos requisitos básicos para conquistar um bom emprego é dominar outros idiomas”, acredita Oldair Costa.

Para Roberta Bruschi, os estudantes certamente obterão novos conhecimentos no campo acadêmico e pessoal, adquirirão fluência em um novo idioma, conhecerão novas possibilidades para continuar a sua formação profissional e para ingresso no mercado de trabalho. 

Conselhos

“Os conselhos são no âmbito pessoal e profissional. Respeitar a nova cultura e tudo que ela traz consigo (jeito de ser, modo de viver, clima, alimentação) é o primeiro fator para o sucesso de qualquer estágio no exterior”, explica Roberta Bruschi. Os estudantes devem se preparar para a inserção num mercado de trabalho competitivo e globalizado. Nesse sentido, “é de fundamental importância que eles realizem o seu curso com qualidade e dedicação, adquiram um novo idioma e conheçam novas culturas, visando ampliar os seus conhecimentos e estar preparados para desafios, tanto no campo acadêmico como profissional”, concorda Oldair Costa.   

Requisitos para seleção

Foram requisitos para o estudante participar da seleção: estar cursando Agronomia ou Engenharia Sanitária e Ambiental, estando no mínimo no 6º período no semestre 2019.1; ter sido aprovado com, no mínimo, 600 pontos no ENEM; ter índice de rendimento acadêmico igual ou superior a 7,0; ter sido aprovado no Edital de Pré-seleção para o Programa CAPES/BRAFAGRI, bem como no teste de proficiência na língua francesa (nível B1).

Resultado final.

Dupla Diplomação

A UFRB assinou em agosto de 2017 o seu primeiro Programa de Dupla Diplomação na área de Engenharia Agronômica. O acordo envolve o Centro de Ciências Agrárias Ambientais e Biológicas (CCAAB), Campus Cruz das Almas, e a Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Bragança (IPB), em Portugal.

Os primeiros estudantes da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia que tiveram a dupla diplomação foram Renecleide Viana, Kayque Ramon e Gilcimar Candeias.

Eles iniciaram as atividades do programa no mês de fevereiro de 2018 e ficaram no IPB por um ano, quando passaram a obter o duplo diploma de graduação em Agronomia pela UFRB e mestrado em Agroecologia pelo IPB.

Kayque Ramon, Renecleide Viana e Gilcimar Candeias.Kayque Ramon, Renecleide Viana e Gilcimar Candeias.

Experiência

Para a estudante Renecleide Viana dos Santos, a experiência de estudar no IPB foi fantástica. “Eu pude aprender muito com as pessoas que convivi (e até com aquelas que não) e ao mesmo tempo percebi que também ensinei muitas coisas com base nas minhas vivências, tanto na vida acadêmica/profissional quanto na vida pessoal”. 

Segundo Renecleide dos Santos, a  oportunidade de ser uma aluna de pós graduação em outro país é algo transformador, os desafios de fazer uma pesquisa, se dedicar às unidades curriculares, aproveitar as oportunidades oferecidas pelo Instituto e principalmente associar tudo isso vida pessoal é uma tarefa que exige adaptação, organização e força de vontade.

“Em adição, existia o fato de que eu me encontrar em outro continente, com outros costumes, onde tudo era novidade. Isso me fez ampliar certas habilidades, e principalmente permitiu que eu tivesse maior autonomia em relação a tudo que me cercava”, explica ela.

Renecleide dos Santos destaca que “um leque de muitas possibilidades se abriu e eu precisei administrá-lo da melhor maneira que consegui. O programa de dupla titularização permitiu que eu tivesse uma visão holística do que representa um profissional das ciências agrárias no Brasil e no mundo e me auxiliou no desenvolvimento de competências que certamente sem a mobilidade seria muito difícil, ou mesmo impossível, de alcançar”.

“Eu destacaria do meu intercâmbio a oportunidade de conhecer pessoas incríveis, de tantos lugares do mundo que não saberia contar o número com exatidão. Também destacaria a importância de se estabelecerem laços afetivos, sem os quais certamente eu não teria conseguido aproveitar tão bem a experiência”, descreve a aluna.

Dissertação

A dissertação de mestrado de Renecleide dos Santos foi na área de conservação do solo e teve como objetivo observar o efeito de mobilizações com tração animal nas propriedades físicas do solo - tema muito pertinente em Portugal, principalmente em relação as zonas de montanha e mesmo no Brasil-, em relação aos pequenos produtores.


Quelle: http://www.ufrb.edu.br/portal/noticias/5525-ufrb-destaca-se-com-intercambios-de-graduacao-em-portugal-e-na-franca

0no comments yet

    Einen Kommentar schreiben

    Die Felder sind zwingend erforderlich.

    Wenn Sie ein registrierter Nutzer sind, dann können Sie sich anmelden und automatisch unter Ihrem Namen arbeiten.

    Abbrechen

    UFRB

    Brazil