Aller au contenu
Show basket Hide basket
Plein écran Suggérer un article

Notícias

January 12, 2009 22:00 , par Inconnu - | 1 person following this article.
Notícias publicadas no portal oficial da UFRB e clonadas nessa comunidade.

UFRB seleciona voluntários para Projeto Universidade Aberta à Maturidade

May 23, 2017 10:21, par UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0Pas de commentaire

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), por meio de sua Pró-Reitoria de Extensão (PROEXT), torna pública a seleção de discentes voluntários para atuarem no Projeto Universidade Aberta à Maturidade. São ofertadas 15 vagas para discentes da graduação dos 07 centros de ensino. Interessados podem se candidatar até o dia 28 de maio pelo e-mail [email protected].

O processo seletivo vai avaliar currículo e carta de intenção. É necessário estar regularmente matriculado, preferencialmente, em algum componente curricular ofertado no projeto e ter disponibilidade para atuar pelo menos 10 horas semanais. Os selecionados receberão certificado de monitores de extensão, correspondente ao semestre 2017.1. Caso ocorra liberação de recursos para concessão de bolsas, serão priorizados os discentes selecionados como voluntários.

As atribuições dos voluntários selecionados são acompanhar a frequência dos discentes da maturidade; colaborar no desenvolvimento de atividades e eventos relacionados ao projeto; auxiliar os discentes da maturidade nas atividades acadêmicas, quando necessário; participar das reuniões do projeto; elaborar relatório final das atividades, dentre outras. As atividades serão coordenadas pelo Núcleo de Educação e Ações Comunitárias da PROEXT.

Sobre o projeto – Iniciado em 2016, o Projeto Universidade Aberta à Maturidade tem o objetivo de possibilitar vivências do público da maturidade no universo acadêmico. A proposta é integrar adultos e idosos como discentes de extensão no desenvolvimento de ações de ensino e de extensão universitária na UFRB.

Confira o Edital PROEXT Nº 04/2017 – Universidade Aberta à Maturidade.

Saiba mais sobre o projeto: www.ufrb.edu.br/maturidade



Comissão de Ética da UFRB divulga orientações para pesquisas com animais

May 22, 2017 15:58, par UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0Pas de commentaire

A Comissão de Ética no Uso de Animais (CEUA) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) divulgou dois novos documentos para orientar os pesquisadores no preenchimento e submissão dos protocolos de pesquisa. Com o objetivo de agilizar a tramitação dos processos, a comissão publicou orientações para cálculo e justificativa do número de repetições e do tamanho amostral em pesquisas com animais.

Nas orientações são considerados não só para o bem estar dos animais submetidos à experimentação, mas também a redução do número de unidades experimentais ao mínimo necessário para a obtenção de resultados, juntamente com o refinamento e a substituição, quando possível. O documento apresenta as principais dúvidas no preenchimento do formulário da CEUA quanto ao procedimento de amostragem, em especial no item “planejamento estatístico e delineamento experimental”.

A CEUA estabeleceu ainda a apresentação de documento de origem para animais utilizados em ensino, experimentação e/ou projetos no âmbito da UFRB e com origem externa aos semoventes que a instituição mantém. Serão exigidas cumulativamente ou alternativamente declarações específicas para uso de animais de produção, animais do Hospital Universitário de Medicina Veterinária (HUMV) e animais da flora silvestre. As documentações deverão fornecer todas as informações indispensáveis para assegurar a execução das atividades de acordo com as normas vigentes.

Confira as orientações para o planejamento amostral e os documentos de origem exigidos.

Mais informações: www.ufrb.edu.br/ceua



Estudante da UFRB é premiado em encontro nordestino de Botânica

May 22, 2017 14:12, par UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0Pas de commentaire

O estudante do Mestrado em Recursos Genéticos Vegetais da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), William Fonseca, foi premiado em primeiro lugar como melhor apresentação na área de Sistemática Vegetal da 35ª Reunião Nordestina de Botânica, realizada entre os dias 02 a 05 de maio, em Recife-PE. O trabalho intitulado de “A tribo Palicoureeae (Rubiaceae) no Parque Nacional de Boa Nova, Bahia” apresentou o resultado parcial de um levantamento das espécies ocorrentes na área, que está sendo realizado no âmbito do projeto de parceria com o Kew Gardens de Londres e universidades nacionais para auxiliar projetos de conservação.

As espécies da família Rubiaceae apresentaram ampla distribuição, principalmente, na região de Mata Atlântica do parque. De acordo com Fonseca, até o momento, foram identificadas 35 espécies dessa família, sendo uma delas considerada nova uma espécie e outras que ainda estão em processo de identificação. “Com essa pesquisa visamos estabelecer áreas prioritárias para o manejo, beneficiando a flora e a fauna que dependem delas”, afirma o pesquisador. A Rubiaceae é uma das maiores famílias de angiospermas, cujas principais características são a presença de folhas opostas-cruzadas e estípulas interpeciolares, também conhecida como a família do Café. Das espécies descritas no trabalho apresentado na 35RNBOT, oito são endêmicas do Brasil, sendo encontradas exclusivamente em fragmentos conservados.

As descobertas são decorrentes de quatro expedições de campo realizadas entre 2012 e 2013 ao PARNA de Boa Nova, situado ao leste do Estado. Todo o material foi herborizado conforme literatura padrão e, posteriormente, depositado no Herbário do Recôncavo da Bahia (HURB). De acordo com a orientadora do trabalho e curadora do HURB, professora Lidyanne Aona, o projeto que envolve este estudo é pioneiro nessa área e todas as coletas geradas incrementam a coleção do herbário, atraindo a atenção de pesquisadores de outras instituições e trazendo maior visibilidade para a Universidade. “Com mais coletas cadastradas, mais estudantes e professores vêm ao HURB estudar o nosso material e, dessa forma, nossa coleção apresenta materiais de grande importância para os estudos da flora brasileira”, relata Lidyanne.

A docente destaca que, além do extenso trabalho de campo para se coletar essas espécies, o mais importante da pesquisa realizada por Fonseca foi o estudo taxonômico, que incluiu descrever os caracteres morfológicos da família Rubiaceae, ilustrar cada espécie e obter uma chave de identificação para elas. “Uma série de informações pode ser obtida a partir da identificação dessas espécies na área de estudo, como, por exemplo, saber se são espécies raras ou em risco de extinção, o que pode determinar áreas críticas para conservação”, explica Lidyanne. “Com a identificação se obtém o registro da espécie para a região e para o Estado, e isso também pode contribuir para um maior número de trabalhos e publicações posteriores”, completa Fonseca.

A pesquisa teve a colaboração da botânica Daniela Zappi, do Museu Paraense Emílio Goeldi, e do professor Jomar Gomes Jardim, da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB). É parte da dissertação de mestrado que tem como tema “A família Rubiaceae no Parque Nacional de Boa Nova, Bahia” e do projeto “Biodiversidade Florística dos Remanescentes Florestais da Bahia”, iniciado em 2013, que está mapeando espécies em áreas de grande endemismo e com uma grande carência de estudos, com o objetivo de ampliar conhecimentos da flora do Estado.



Nota da Reitoria da UFRB em defesa da democracia e das instituições brasileiras

May 19, 2017 15:32, par UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0Pas de commentaire

A Reitoria da UFRB acompanha com muita preocupação o momento de grave crise social e política no Brasil. A escalada de denúncias de corrupção não poupa nenhum dos três Poderes da República e corrobora para a instalação de descrédito, gerando um clima de incerteza, dúvidas e descrença nas instituições que devem pugnar pela normalidade democrática, o império da lei e a supremacia do interesse público sobre o interesse privado.

A democracia se caracteriza pelo embate permanente entre posições diferentes e muitas vezes opostas, por isso mesmo, a democracia é o regime por excelência do conflito, impossível de ocorrer em regimes totalitários em que um grupo hegemônico esmaga, sufoca e emudece os demais.

Neste contexto, é indispensável lembrar que a garantia do estado democrático de direito depende da preservação de instituições fortes, legitimadas e referendadas socialmente pelo povo, detentor original de todo poder. Estas instituições devem, para desempenhar o papel que lhe foi imposto pela Constituição Federal, atuar de forma contundente no combate à corrupção e outras práticas criminosas, mas é imperativo que o faça de forma harmônica, nos limites da lei e sem se deixarem contaminar pelos interesses de poderosos grupos econômicos, corporativos e midiáticos, interesses esses que frequentemente não se perfilam com os interesses do povo brasileiro.

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia é uma conquista cidadã. Em sua origem estão a organização popular e a articulação de diversos setores da sociedade que, com muita luta, asseguraram esta conquista. Temos, portanto, o gene da democracia em nosso tecido social e institucional e não podemos negar à Nação, em um momento difícil como este, o nosso legado democrático. Temos a convicção que o Brasil superará esta crise, como o fez no passado. Entretanto, ratificamos a nossa posição de que a saída para esta crise passa, necessariamente, pelo respeito à participação popular e à democracia.

Nesse sentido, a Reitoria da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia convida a nossa comunidade acadêmica a refletir, debater e defender o estado de direito e as instituições da República para que se prestem ao fim para qual foram criadas: o bem comum, a superação das desigualdades, a defesa da lei e a justiça social.

Cruz das Almas, 19 de maio de 2017.

Silvio Luiz de Oliveira Soglia

Reitor da UFRB



UFRB realiza ajuste presencial de matrícula 2017.1 de 22 a 26 de maio

May 19, 2017 10:04, par UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0Pas de commentaire

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) realiza entre os dias 22 e 26 de maio o reajuste presencial de matrícula 2017.1. Nesta terceira etapa, os estudantes veteranos podem comparecer aos Núcleos de Gestão Técnico Acadêmico (NUGTEAC) dos respectivos Centros de Ensino para ajustes nas solicitações de disciplinas.

Segunda etapa da matrícula web - A previsão de resultado do processamento da segunda etapa da matrícula web 2017.1 é 21 de maio. Após o processamento, o estudante pode consultar as disciplinas deferidas ou indeferidas por meio do Portal do Discente no Sistema de Gestão das Atividades Acadêmica (SIGAA).

Orientações e dúvidas - A Superintendência de Regulação e Registros Acadêmicos (SURRAC) orienta que o estudante que for participar da terceira etapa compareça ao NUGTEAC de seu Centro munido do comprovante de matrícula impresso.

Consulte os escalonamentos de reajuste presencial de matrícula 2017.1 dos Centros de Ensino:

CCAAB
CETEC - [email protected]
CAHL
CFP
CCS - [email protected]
CETENS - [email protected]
CECULT - [email protected]

 



Catégories

Bahia, Comunicação, Cultura, Formação, Marco Legal, Pesquisa e tecnologia, Políticas públicas, Relações internacionais, Saúde popular, Software, cultura e conhecimentos livres

UFRB

Brazil