Go to the content
Show basket Hide basket
Full screen Suggest an article

Notícias

Gennaio 12, 2009 22:00 , by Unknown - | 1 person following this article.
Notícias publicadas no portal oficial da UFRB e clonadas nessa comunidade.

UFRB e UNEB avançam para consolidar parceria no território Baixo Sul da Bahia

Aprile 11, 2017 12:04, by UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0no comments yet

Representantes das equipes centrais de gestão universitária da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e da Universidade do Estado da Bahia (UNEB) se reuniram na manhã do último dia 30 de março, no Campus XV da UNEB, em Valença.

O encontro teve como objetivo dar continuidade aos diálogos, iniciados em janeiro, para consolidação de uma parceria para desenvolvimento de ações nas áreas de ensino, pesquisa e extensão no Território Baixo Sul baiano.

Participaram da reunião os reitores Silvio Soglia (UFRB) e José Bites de Carvalho (UNEB); as vice-reitoras Georgina Gonçalves e Carla Liane; representantes das Pró-Reitorias de Graduação, Pesquisa e Pós-Graduação, Ações Afirmativas e Extensão, além dos setores responsáveis pela gestão das iniciativas em Educação a Distância (EaD) em ambas universidades e colegiados de curso.

Diálogo e possibilidades

No período da manhã, foram constituídos dois grupos de trabalho. Um para discutir o tema Educação à Distância, Graduação e Internacionalização; e outro para dialogar sobre Extensão, Pós-Graduação e Pesquisa.

Após as discussões, as áreas de Agroecologia, Gestão de Cooperativas, Educação do Campo, Economia Solidária, Desenvolvimento Sustentável, Comunicação Social e Formação de Professores em Educação Quilombola foram apresentadas como possíveis campos para uma possível atuação articulada.

Foi sugerida a elaboração de propostas para uma Especialização em Agricultura Familiar e Cooperativismo e um curso de licenciatura ou tecnológico em Educação Intercultural Quilombola.

Outras possibilidades apresentadas foram a proposição de inserção dos servidores de ambas as instituições nos programas de pós-graduação já existentes, a oferta de cursos de extensão em língua estrangeira (inglês e espanhol) para a comunidade acadêmica e a constituição de um polo EaD associado para desenvolvimento e consolidação da parceria.

Fortalecimento da Educação

Ainda durante a manhã, foi discutida a formalização de um convênio de cooperação técnico-científica entre as instituições, para que seja viabilizada a mobilidade discente e docente.

Para o reitor da UFRB, Silvio Soglia, o encontro apresentou perspectivas para propostas concretas a curto, médio e longo prazo. “Esse território tem uma necessidade e espera que essas instituições, na proposta de parceria, possam beneficiar a população do Baixo Sul. A proposição da parceria, em tempos de crise, é o melhor caminho para ampliar a oferta de educação superior no território”, ressaltou.

Articulação territorial

À tarde, juntaram-se ao grupo o representante da Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC), Robson Costa; o prefeito do município de Valença, Ricardo Moura, acompanhado pelos secretários de Educação, de Cultura e de Comunicação da cidade; a reitora do IF Baiano, Célia Pedroso; a diretora do campus do Ifba em Valença, Alba Valéria; o vice-prefeito de Ituberá, Vivaldo Neto, acompanhado dos secretários de Educação e Cultura e Comunicação; e o vereador de Valença, Adailton Francisco.

As autoridades participaram da reunião para pensar junto às instituições em possibilidades de articulação e para auxiliá-las na viabilização das iniciativas propostas para qualificação da educação superior no território.

Um novo encontro entre representantes da UFRB e UNEB deve ser promovido ainda neste mês, para a assinatura do termo de cooperação técnico-científica e para encaminhamento da proposta de polo EaD associado.

Com informações da ASCOM/UNEB.



UFRB empossa novos coordenadores da PROPAAE e reativa Núcleo de Gênero

Aprile 10, 2017 19:20, by UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0no comments yet

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) deu posse aos novos coordenadores da Pró-Reitoria de Políticas Afirmativas e Assuntos Estudantis (PROPAAE), em cerimônia realizada na manhã desta segunda-feira, dia 10 de abril. Foram empossados a professora Dyane Reis, na Coordenadoria de Políticas Afirmativas (COPAF), e o professor Fabrício Fontes, na Coordenadoria de Assuntos Estudantis (CAE).

Na ocasião, também foi anunciada a reativação do Núcleo de Gênero, Diversidade Sexual e Educação (NGDSE), vinculado à COPAF, e que terá como chefe a professora Fran Demétrio. Já a professora Sarah Carneiro, que assumia a CAE, passa a responder pela Coordenadoria de Cultura e Universidade da Pró-Reitoria de Extensão (PROEXT), função até então assumida nessa gestão pela professora Valdíria Rocha, que passa para uma assessoria especial na Reitoria.

Estiveram presentes na cerimônia o reitor da UFRB, Silvio Soglia, a vice-reitora, Georgina Gonçalves, e a pró-reitora de Políticas Afirmativas e Assuntos Estudantis, Maria Goretti da Fonseca. A vice-reitora saudou os novos empossados e falou sobre a importância de receber servidores parceiros e competentes para a gestão de políticas fundamentais que diferenciam o projeto da UFRB. “O momento atual impõe a necessidade de união de forças para dar manutenção e resistência às políticas estruturantes de nossa universidade”, disse.

O reitor da UFRB conclamou a nova equipe de gestão a preservar uma cultura de integração, apoios mútuos, otimização das pessoas, ideias e recursos. “É preciso que as políticas afirmativas e estudantis se unifiquem com a extensão para trazer mais reflexões, ludicidade e espaços formativos na universidade”, afirmou Soglia, ressaltando que a política de permanência e assistência estudantil é a maior marca de contribuição social que a UFRB proporciona à sociedade.

A pró-reitora Maria Goretti agradeceu aos antigos coordenadores e assegurou aos novos a certeza de contar com pessoas comprometidas na defesa das políticas primordiais da UFRB, destacando em especial a expectativa com o NGDSE. Os novos coordenadores empossados se colocaram à disposição da gestão e se disseram reconhecidos em seu trabalho pelas políticas afirmativas e estudantis.



INEP divulga edital do Exame Nacional do Ensino Médio Edição 2017

Aprile 10, 2017 16:40, by UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0no comments yet

O Edital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 foi publicado no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 10, e traz todas as regras e as novidades que marcam esta edição. O Exame passa a ser realizado em dois domingos consecutivos, 5 e 12 de novembro, de acordo com a vontade da maioria dos participantes da Consulta Pública realizada entre janeiro e fevereiro. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) estima a participação de 7,5 milhões de participantes. O Enem deixa de certificar o Ensino Médio, tarefa que volta a ser cumprida pelo Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), próprio para essa finalidade.

Inscrições e taxa - As inscrições para o Enem 2017 devem ser feitas entre 8 e 19 de maio pela Página do Participante. Já o pagamento da taxa de inscrição pode ser feito até 24 de maio. O valor da inscrição passa a ser de R$ 82. O aumento corrige o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) não aplicado nos últimos anos. Estão isentos do pagamento da taxa: estudantes de escolas públicas concluintes do ensino médio em 2017; participantes carentes, de acordo com o CadÚnico (Dec. nº 6.135/2007); estudantes que se enquadrarem às exigências da Lei nº 12.799/2013.

Provas - A redação passa a ser aplicada no primeiro dia de provas, 5 de novembro, juntamente com Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Ciências da Humanas e suas Tecnologias. Com isso, o primeiro dia passa ter a maior duração: 5 horas e 30 minutos. No segundo dia, 12 de novembro, com 4 horas e 30 minutos de duração, serão aplicadas as provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias.

Segurança - Além de todos os instrumentos já adotados, o Inep estreia mais um item de segurança nesta edição: Cadernos de Questões personalizados com nome e número de inscrição do participante, o que facilitará a identificação de possíveis fraudadores. Os Cadernos de Questões seguem tendo cores diferentes, mas não será mais necessário assinalar a cor correspondente no Cartão Resposta. O participante segue tendo que transcrever a frase de segurança do Caderno de Questão para o Cartão Resposta. O Cartão Resposta vira encartado no Caderno de Questões.

Atendimento Especializado - Um novo recurso de acessibilidade começa a ser oferecido, em caráter experimental, no Enem 2017. Os participantes surdos ou deficientes auditivos poderão participar de aplicação experimental de um dispositivo em vídeo contendo questões traduzidas em Língua Brasileira de Sinais (Libras). Outra novidade é em relação ao tempo adicional, que não poderá mais ser solicitado na hora da prova, mas apenas no ato da inscrição. O recurso é uma exclusividade de participantes deficientes ou com outra condição especial.

Atendimento Específico - A inclusão da opção Outra Condição Específica é outra novidade e contemplará participantes que não se enquadram nos requisitos necessários ao  atendimento especializado, mas precisam de algum recurso para a prova, considerando um rol de CID´s. Com provas apenas nos domingos, deixa de ser oferecido o atendimento específico para sabatistas, participantes que guardam o sábado por questões religiosas.

Laudos - A inserção de laudo comprobatório que motivou a solicitação de atendimento especializado deverá ser feita no ato da inscrição. O resultado da análise do laudo deverá ser consultado na Página do Participante. Em caso de indeferimento, o Inep comunicará ao participante para o envio de um novo documento. O participante terá três dias para inclusão de um novo documento (recurso) para análise. Em caso de indeferimento, será retirada a solicitação de tempo adicional.

O participante com transtorno global do desenvolvimento (dislexia, discalculia e déficit de atenção) que não tiver laudo médico comprobatório poderá apresentar declaração ou parecer com o nome completo do participante, emitida por entidade ou profissional habilitado na área da saúde, com a descrição do transtorno, bem como a identificação da entidade ou profissional declarante, com assinatura e carimbo. Em caso de indeferimento de solicitações exclusivas de atendimento para dislexia, interprete de libras e discalculia, que não inclua solicitação de tempo adicional, será retirado todo o atendimento solicitado, devido à correção diferenciada da redação.

Ausência – O participante que obtiver a isenção do pagamento da taxa de inscrição do Enem 2017 e não comparecer para a realização das provas nos dois dias de aplicação, e desejar solicitar nova isenção do pagamento da taxa de inscrição para o Enem 2018, deverá justificar sua ausência no sistema de inscrição de 2018. A justificativa deverá ser realizada, obrigatoriamente, mediante a inserção de atestado médico, documento judicial, certidão pública ou boletim de ocorrência que comprove e justifique a ausência no Exame. Não será aceita declaração emitida pelo próprio participante.

Entenda os critérios para isenção – O participante que estiver concluindo o Ensino Médio na rede pública de ensino em 2017 terá isenção automática da taxa de inscrição. Outros dois critérios de isenção, e que devem ser solicitados, são baseados no Decreto  6.135/2007, sobre o cadastro de famílias de baixa renda junto ao CadÚnico, e a Lei 12.799/2013, sobre a isenção da taxa de inscrição em processos seletivos de instituições federais de ensino superior.

No caso de opção pelo Decreto, o participante deverá indicar se está ou não inscrito no CadÚnico. Se está no cadastro, deverá inserir seu NIS ou declarar que está cadastrado.

Caso ainda não possua o número do NIS, o sistema disponibilizará uma declaração. Para quem informar o NIS o sistema fará as seguintes validações: se o NIS for encontrado a carência será deferida. Se o NIS for encontrado, mas é de outra pessoa ou já tiver sido utilizado, o sistema apresentará a mensagem “NIS cadastrado para outra pessoa no CadÚnico”.

Se o NIS não for encontrado ou for inválido, o participante receberá a mensagem “NIS não localizado”. Se o NIS for encontrado, mas for de pessoa não carente de acordo com o decreto, aparecerá a opção “Gerar GRU”. Para quem informar não ter o cadastro no CadÚnico o sistema gerará a GRU para o pagamento. A validação do NIS deverá ser feita de acordo com os dados da Receita Federal e os dados do CadÚnico.

No caso de opção pela Lei, a carência será concedida a partir da validação das informações prestadas pelo participante no questionário socioeconômico.

  • Clique aqui para acessar o edital
  • Clique aqui para acessar a apresentação
  • Clique aqui para acessar o resumo das mudanças

Com informações do INEP.



CCAAB divulga processo seletivo para professores em diversas áreas

Aprile 7, 2017 20:38, by UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0no comments yet

O Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (CCAAB) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) divulga o processo seletivo simplificado para contratação de docente por tempo determinado com cinco vagas nas áreas a seguir: Ciências Biológicas, Biodiversidade, Saúde Animal, Ciências Humanas e Sociais Aplicadas e Ciências Humanas e Sociais Aplicadas.

As inscrições estão abertas até o dia 17 de abril e podem ser efetivadas apenas pelo candidato exclusivamente de forma presencial. Os interessados devem requerer sua inscrição na Secretaria Administrativa do CCAAB (SECAD), no período de 08h30 às 12h e de 13h30 às 16:30h, bem como apresentar a documentação necessária listada no edital e o comprovante de pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 60,00.

O processo seletivo será conduzido por uma Banca Examinadora devidamente constituída para este fim. A seleção constará de duas etapas distintas: análise de currículo, com peso 3, e prova didática, com peso 7. As provas acontecem no período de 24 e 25 de abril, em local a ser informado oportunamente no sítio www.ufrb.edu.br/ccaab. O resultado final da seleção será divulgado no site do CCAAB e no site de Concursos da UFRB até o dia 26 de abril de 2017.

Não poderão ser contratados servidores que ocupem cargos efetivos, integrantes das carreiras de magistério de que trata a Lei n. 7.596/1987 e aqueles com regime de dedicação exclusiva, sendo que os demais servidores públicos em geral poderão ser contratados desde que atendam à formal comprovação de compatibilidade de horários. O processo seletivo terá validade de um ano. 



Categories

Bahia, Comunicação, Cultura, Formação, Marco Legal, Pesquisa e tecnologia, Políticas públicas, Relações internacionais, Saúde popular, Software, cultura e conhecimentos livres

UFRB

Brazil