Перейти к контенту
Показать корзину Спрятать корзину
Full screen Suggest an article

Notícias

января 12, 2009 22:00 , by Unknown - | 1 person following this article.
Notícias publicadas no portal oficial da UFRB e clonadas nessa comunidade.

Docentes da UFRB podem disponibilizar vagas para Projeto da Maturidade

апреля 18, 2017 19:52, by UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0no comments yet

A Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), recebe até o dia 28 de abril as manifestações de interesse de docentes da UFRB que desejem colaborar disponibilizando até 05 vagas do seu componente curricular para o Projeto Universidade Aberta à Maturidade – Promat/UFRB.  

O projeto prevê para o próximo dia 03 de maio o Edital 2017 para seleção de discentes de extensão, e o desejo da coordenação do projeto até lá, é de ampliar a oferta de componentes curriculares. As manifestações dos docentes devem ser feita diretamente ao Núcleo de Educação e Ações Comunitárias da Pró-Reitoria de Extensão pelo e-mail: [email protected]

Iniciado em 2016, o Projeto Universidade Aberta à Maturidade - Promat/ UFRB objetiva possibilitar vivências do público da maturidade no universo acadêmico. A proposta é integrar adultos e idosos como discentes de extensão no desenvolvimento de ações de ensino e de extensão universitária na UFRB.

As primeiras turmas se constituíram a partir do Edital 05/2016 - Oferta de Vagas do Projeto Piloto Universidade Aberta à Maturidade, que disponibilizou vagas em componentes curriculares de cursos de graduação nos centros de ensino da UFRB em Cruz das Almas e Feira de Santana. Em Cruz das Almas, foram ofertadas vagas para o componente curricular Paisagismo, do curso de Agronomia. Em Feira de Santana, foram ofertadas vagas em duas disciplinas do curso Licenciatura em Educação no Campo: Economia Solidária e Cooperativismo e Tecnologia Social e Viabilidade de Empreendimentos Solidários.

Saiba mais - O Projeto Universidade Aberta à Maturidade defende a educação permanente enquanto direito humano da pessoa adulta. Para esta iniciativa, a sala de aula possibilita vivências e inclusão social, para além da qualificação técnica ou formação profissional. O vínculo com a Universidade é extensionista com direito à certificação.

Assita: https://www.youtube.com/watch?v=aYmH3yt3ij8

Conheça o projeto:  https://www.ufrb.edu.br/maturidade/

Dúvidas? Escreva para [email protected] ou ligue para (75)3621-4315.



UFRB apresenta vídeo sobre projeto de inclusão na maturidade

апреля 18, 2017 18:45, by UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0no comments yet

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), por meio da Pró-Reitoria de Extensão, produziu um vídeo sobre o projeto Inclusão na Maturidade.  A iniciativa visa integrar adultos e idosos que não acessaram o ensino superior em ações de ensino e extensão universitária na UFRB.

A metodologia do projeto prevê a inserção de pessoas com idade superior a 45 anos em cursos de graduação. A ideia é que os discentes da maturidade compartilhem a sala de aula com os discentes regulares da Universidade, promovendo intercâmbio entre saberes tradicionais e acadêmicos.

As primeiras turmas se constituíram a partir do Edital 05/2016 - Oferta de Vagas do Projeto Piloto Universidade Aberta à Maturidade, que disponibilizou vagas em componentes curriculares de cursos de graduação nos centros de ensino da UFRB em Cruz das Almas e Feira de Santana. Em Cruz das Almas, foram ofertadas vagas para o componente curricular Paisagismo, do curso de Agronomia. Em Feira de Santana, foram ofertadas vagas em duas disciplinas do curso Licenciatura em Educação no Campo: Economia Solidária e Cooperativismo e Tecnologia Social e Viabilidade de Empreendimentos Solidários.

Saiba mais - O Projeto Universidade Aberta à Maturidade defende a educação permanente enquanto direito humano da pessoa adulta. Para esta iniciativa, a sala de aula possibilita vivências e inclusão social, para além da qualificação técnica ou formação profissional. O vínculo com a Universidade é extensionista com direito a certificação.

Assista: 

Conheça mais sobre o projeto:  https://www.ufrb.edu.br/maturidade/



PET Mata Atlântica: Conservação e Desenvolvimento abre seleção para bolsistas

апреля 17, 2017 17:07, by UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0no comments yet

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), por meio de sua Pró-Reitoria de Graduação (PROGRAD), divulga a seleção para bolsistas do Grupo do Programa de Educação Tutorial, intitulado PET Mata Atlântica: Conservação e Desenvolvimento. As inscrições estarão abertas de 15 a 19 de maio, de forma presencial, na sala do grupo no Pavilhão de Aulas II, Sala 113B, no período das 8h às 12h e das 14h às 20h.

São ofertadas seis vagas para preenchimento pelo quadro discente dos cursos de Agronomia, Agroecologia, Bacharelado em Biologia, Gestão de Cooperativas, Licenciatura em Biologia, Engenharia de Pesca, Engenharia Sanitária e Ambiental, e Medicina Veterinária. É preciso apresentar Índice de Rendimento Acadêmico maior ou igual a sete, ter disponibilidade para dedicar 20 horas semanais às atividades do programa e não acumular bolsas de natureza similar.

O processo seletivo compreenderá três etapas. A primeira etapa, de caráter eliminatório, consistirá na participação do candidato em Dinâmica Seletiva em Grupo. A segunda etapa, de caráter classificatório, será constituída por Prova Dissertativa relacionada aos temas Programa de Educação Tutorial e Mata Atlântica. E a terceira etapa, de caráter classificatório, compreenderá uma arguição individual sobre esses temas.

O resultado final será divulgado no mural e no site do PET Mata Atlântica, em no máximo 48 horas após a última etapa da seleção. Os seis candidatos com melhor nota final serão contemplados com o ingresso imediato no mês de junho e deverão desenvolver atividades com o grupo até a conclusão do seu curso de graduação. Os estudantes selecionados receberão uma bolsa mensal no valor de R$ 400,00.

Sobre o grupo - O PET Mata Atlântica: Conservação e Desenvolvimento é um grupo interdisciplinar que estimula a formação de um espírito reflexivo, solidário, social e ambientalmente engajado. Vinculado ao Ministério da Educação, foi criado em dezembro de 2010 no âmbito da UFRB com uma temática voltada para a conservação da Mata Atlântica. 

Confira o Edital PROGRAD Nº 016/2017 – PET Mata Atlântica.

Mais informações: www.ufrb.edu.br/petmataatlantica



UFRB, Embrapa, FAEPE e ABA celebram parceria pela avicultura e suinocultura

апреля 12, 2017 18:50, by UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0no comments yet

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), a Embrapa Mandioca e Fruticultura, a Fundação de Apoio Ao Ensino, Pesquisa e Extensão e de Planejamento Estratégico (FAEPE) e a Associação Baiana de Avicultura (ABA) assinaram termo de cooperação técnica e científica para execução do Projeto de Desenvolvimento da Avicultura e Suinocultura (PDSA) no Estado da Bahia. O evento aconteceu na manhã desta quarta-feira, dia 12 de abril, na Reitoria da UFRB, em Cruz das Almas.

Estiveram presentes na solenidade de assinatura o reitor da UFRB, Silvio Soglia; o chefe-geral da Embrapa Mandioca e Fruticultura, Alberto Vilarinhos; a presidente da FAEPE, Maria Stella Eloy; e o presidente da ABA, Dario Neto II. Pelo termo, as instituições se comprometem a elaborar anualmente planos de trabalho, participar conjuntamente de chamadas públicas, apresentando projetos de pesquisa, de desenvolvimento e/ou inovação, e identificar fontes de recursos financeiros para fomentar o desenvolvimento das atividades avícolas e suinícolas na Bahia.

O reitor da UFRB explicou que a parceria é resultado de debates e ações conjuntas que já vêm sendo desenvolvidos desde 2009 por iniciativa de instituições e empresas do setor, e que contaram com a participação da Universidade, por meio de seu Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (CCAAB). O diretor do centro, Elvis Vieira, ratificou a disposição da direção, dos professores e dos técnicos da Fazenda Experimental em continuar colaborando com a parceria. “Logo que fomos procurados, abraçamos esta ideia. Queremos diversificar e dar melhores condições de ensino, pesquisa e extensão para nossos alunos”, disse.

De acordo com o documento, caberá à UFRB oferecer novas linhas de pesquisas nos cursos de graduação e de pós-graduação no CCAAB, contemplando as cadeias produtivas de suínos e aves; disponibilizar seus laboratórios, campos experimentais e demais estruturas necessárias às pesquisas de interesse do PDSA; permitir a implantação de uma infraestrutura de referência que contemple a criação e abate de suínos e aves, e eventualmente a produção de insumos e a comercialização de suínos e aves; dentre outras ações descritas no documento.

Já a Embrapa irá disponibilizar resultados de pesquisas para a sua adequação e aplicação ao sistema de produção da avicultura e suinocultura baiana. O chefe-geral da empresa ressaltou que, para além do compartilhamento dos resultados científicos nesta área, também é importante promover uma transformação da cadeia produtiva. “A mandioca tem um potencial muito grande para ser utilizada na produção animal, mas que ainda é pouco explorado. É esse viés que a gente quer explorar neste acordo, além de contribuir com a transferência e adoção dessa tecnologia”, ressaltou.

Desafios e oportunidades

O presidente da ABA destacou que hoje o principal desafio dos avicultores baianos é equilibrar os custos de produção com os dos demais estados produtores, em especial do sul do país. “Essa é uma oportunidade que estamos dando para o setor avícola evoluir na Bahia. Se continuarmos com pesquisas focadas em cada empresa, não teremos condições de competir”, disse Dario. Para ele, além do clima favorável, a esperança é estas ações beneficiem a produção baiana e valorizem o setor.

“Atualmente, a Bahia só produz 40% do que consome e de forma muito concentrada no Recôncavo”, afirmou Almir Eloy, coordenador da Câmara Setorial da Carne - Aves e Suínos junto à Secretaria da Agricultura do Governo da Bahia (SEAGRI) e relações institucionais da FAEPE. Em sua opinião, com o PDSA e a assinatura do termo, os produtores baianos poderão “beber na fonte do conhecimento”, uma vez que serão construídos campos experimentais e modelos de referência para sistemas de abate, granjas e fábricas de ração.

A vigência do PDSA é de 30 anos e a do termo de cooperação é de cinco anos, podendo ser prorrogado mediante termos aditivos. Um novo encontro entre as instituições foi agendado para o dia 31 de maio, no campus da UFRB em Cruz das Almas, quando será realizada a reunião da Câmara Setorial e está prevista a apresentação dos primeiros planos de trabalho referentes ao termo. 

Confira as fotos da assinatura do Termo de Cooperação:

{gallery}noticias2017/assinatura-termo-aves-suinos{/gallery}



Grupo de Trabalho divulga questionário de levantamento de demanda para RU

апреля 11, 2017 13:25, by UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0no comments yet

O Grupo de Trabalho que trata do projeto de construção dos Restaurantes Universitários divulga questionário para levantamento de demanda por alimentação no âmbito da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB). O questionário contendo os quesitos a serem apreciados está disponível online e deve ser respondido por toda a comunidade acadêmica.

O levantamento servirá de base para a elaboração dos projetos arquitetônicos dos Restaurantes Universitários previstos para serem instalados nos campi da UFRB que ainda não possuem o serviço e/ou para identificação das alternativas de atendimento desta demanda, além de auxiliar na análise dos custos de construção e manutenção de cada unidade.  

Este instrumento retoma as atividades realizadas anteriormente pela Câmara Intersetorial de Negociação Permanente da UFRB. O novo Grupo de Trabalho, definido pela Portaria nº 058/2017, foi estabelecido por meio de acordo entre o movimento de ocupação “Ocupa UFRB” e a Reitoria, com representação de todas as categorias universitárias.

Acesse o questionário de demanda para Restaurantes Universitários.



Категории

Bahia, Comunicação, Cultura, Formação, Marco Legal, Pesquisa e tecnologia, Políticas públicas, Relações internacionais, Saúde popular, Software, cultura e conhecimentos livres

UFRB

Brazil

Posts do blog