Ir para o conteúdo
Mostrar cesto Esconder cesto
Voltar a Fórum Regional Economia Solidária de Florianópolis
Tela cheia

Reunião de Setembro do Fórum Regional de Economia Solidária de Florianópolis

4 de Outubro de 2015, 16:38 , por Fórum Regional Economia Solidária de Florianópolis - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 78 vezes

contribuição Rhuliana dos Santos

 

A reunião do Fórum Regional de Economia Solidária de Florianópolis foi realizada no dia 03/09/2015 às 14 horas até às 16horas30min, no Auditório da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de Santa Catarina (SRTE/MTE). Começamos com a apresentação de cada participante, Dirlene Santana (UDESC), Vanessa Simon (UFSC), Inês de Souza Nascimento (Cáritas), Beatriz Scariot Guterres (Flor de Lotus), Maria Ilene Alencar (GAAI), Valmira Calixto (Rosas Solidárias Tecidas), Cyntia Sandrez (GAAI), Juan Francisco (GAAI), Aguiler (visitante), Denise Santos Lobato (GAAI), Zenaide Pereira (Afago), Rita de Cassia Coradin (Floripamel), Adilson Maré de Farias (ATMR - Palhoça), Alexandre Pires Lage (UFSC), Leandro Lopes (UFSC), Marta Quintero (MAG Garopaga), Rhuliana dos Santos (ITCP- UNIVALI) e Eliete Alano (SRTE/SC). A bolsista Rhuliana, a pedido da professora Leila, iniciou a reunião repassando um convite a respeito das duas vagas para empreendimentos do Fórum de ES de Florianópolis, na feira de Itajaí, que ocorre na próxima quinta-feira. Os empreendimentos, GAAI e FLOR DE LÓTUS pretendem ir, mas a confirmação só acontecerá no decorrer da próxima semana. Os empreendimentos perguntaram sobre o banner para levar para a feira, e a integrante Beatriz comentou que estão com a Marilda, mas de qualquer forma não poderiam ser colocados na feira porque não há lugar. Beatriz repassou as informações sobre as regras para participação no evento, pois ela já acompanha a feira e sabe seus procedimentos. Pensando no transporte que será o único problema para a participação nas feiras a Inês falou que já havia buscado na Secretaria de Trabalho e Assistência, transporte com o caminhão do artesanato e que naquele momento não havia tido retorno positivo, ela sugeriu que seja feito um ofício e enviado a Secretaria, a Dirlene comentou que é um processo burocrático, mas vale a pena tentar, quem sabe um contato com a Ivone. A Inês comentou que o contato anterior que realizou foi com a Rose Cidral, mas que poderia falar com a Ivone, pois estará com ela na terça-feira (08/09). Todos os presentes percebem a necessidade de apoio com o transporte, porque é o principal empecilho dos empreendimentos para participarem dos eventos. Os empreendimentos também sugeriram solicitar na Secretaria o veículo Doblò, pois iriam provavelmente 4 (quatro) pessoas. Passando a outro tópico, foi comentada a participação dos empreendimentos na feira que aconteceu na cidade de Caçador, que tinha como objetivo marcar o encerramento do PROJETO FORTES. A participante Zenaide comentou que as vendas não foram boas e que o evento foi um pouco cansativo, mas as oficinas e os contatos com outros empreendimentos foram bons. A Inês comentou que eram muitos empreendimentos, de quatro regiões diferentes, por este motivo foi um pouco cansativa a organização. A integrante do Grupo GAAI, Denise, comentou que deveria ter levado outros produtos, pois se tivesse o feito, teria vendido bem. Os membros da reunião comentaram a importância de se avaliar as datas comemorativas que têm próximas das feiras de ES. Além disso, deve-se explicar a história do produto para agregar valor ao produto. Dirlene comentou sobre um colar que faz apenas com retalhos, ela diz que sempre que mostra este produto explica o “motivo” do colar, Beatriz sobre o mesmo assunto comentou que não consegue competir com os produtos da China. O grupo então fez reflexões explicando que o interesse deve ser evitar a competição, e sempre que se exporem os produtos da ES devem mostrar como foram fabricados e valorizar a sustentabilidade de todo o processo produtivo. Após Beatriz perguntou sobre a feira de Santa Maria, disse que havia um boato que a UNIVALI não organizaria mais o ônibus para os empreendimentos. A Denise comentou que no ônibus dois membros da UNIVALI disseram que isso iria acontecer. Por não estar a par do assunto, a bolsista Rhuliana, ficou responsável em esclarecer essa informação com professora Leila e trazer para o Fórum. Pensando novamente no problema com o transporte, a Vanessa e a Rhuliana comentaram que o Fórum pode se organizar por outros meios para ir a Santa Maria, Dirlene comentou que a Secretaria tem dois caminhões para o artesanato, que podem ser usados pela ES, o que tem que ser feito é agendar com antecedência. Os integrantes do Fórum sugeriram que alguém ficasse responsável pelas datas das feiras, e por ser uma pessoa articulada, o nome da Dirlene foi sugerido e a mesma aceitou. Assim, sempre que algum membro souber de alguma feira deve avisar a Dirlene, que colocará a data na lista. A Inês comentou das feiras de Porto belo, que eles têm como pré-requisito, que os empreendimentos participem das reuniões da ES, essa informação tem que ser esclarecida para pensar na viabilidade dos ES de Florianópolis de participarem desse evento. Após um pequeno intervalo a reunião iniciou com os informes sobre o cadastro dos empreendimentos sugerido pelo GT de Educação. As fichas para o cadastro já foram entregues na reunião de agosto, e deveriam ser devolvidas preenchidas em setembro, o que não ocorreu. Até a data desta reunião, apenas dois empreendimentos entregaram a ficha preenchida, por este motivo foi dado novo prazo para entrega em outubro. Foi combinado que o cadastro será enviado pelo e-mail novamente. A Inês por ter estágio obrigatório, teve de sair antes do fim da reunião, mas antes de sair fez um convite a todos sobre a caminhada do bem, os interessados podem entrar no site e obter maiores informações. Retomamos a reunião, e os empreendimentos presentes informaram que entregaram a ficha de cadastro no dia 17/09/2015, data definida em que será feita uma reunião extraordinária para organizar as feiras deste ano. A dona Zenaide solicitou a palavra, ela comentou sobre um grupo que viu em Santa Maria, que reaproveita banners, disse que quem tiver material e quiser se desfazer pode informar através de página no facebook em nome de SOUVENIR, que eles mandam coletar, se mostrou impressionada com o trabalho deste grupo. Depois deste comentário Dirlene também repassou uma informação sobre fitas cassetes para os empreendimentos e membros do Fórum, disse que essas fitas têm chumbo e cadmio, que causa câncer, e não devem de forma alguma, ser usadas próximo ao corpo. Por fim o grupo comentou a necessidade de cuidar o que consuminos, pois os alimentos estão, atualmente, cheios de agrotóxicos, que devemos nos cuidar em todos os sentidos. Para encerrar, foi feita uma dinâmica, o grupo deu as mãos, formou um círculo, e cada membro disse uma palavra de incentivo a todos.

 

                 


0sem comentários ainda

    Enviar um comentário

    Os campos são obrigatórios.

    Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

    Cancelar

    FRES Floripa

    FRES em fotos