Ir para o conteúdo
Mostrar cesto Esconder cesto

Fórum Brasileiro de Economia Solidária

Voltar a Notícias da Economia Solidária no Brasil
Tela cheia Sugerir um artigo

Café Solidário no Congresso reforça a necessidade de uma Secretaria Especial de Economia Solidária

22 de Fevereiro de 2011, 21:00 , por Desconhecido - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 239 vezes

Por Secretaria Executiva do FBES

O Café Solidário organizado pela Frente Parlamentar de Economia Solidária em conjunto com o Fórum Brasileiro de Economia Solidária - FBES marcou a união da Frente com o movimento, fortalecendo a economia solidária enquanto alternativa emancipatória para a erradicação da pobreza extrema.

Image

Na mesa de abertura estava o presidente da Frente, deputado Eudes Xavier (PT-CE), a deputada Luiza Erundina (PSB-SP), Maribel Kauffmann da Coordenação Executiva do FBES; Paul Singer, Secretário Nacional de Economia Solidária do Ministério do Trabalho e Emprego e Daniel Tygel da Secretaria Executiva do FBES.

O evento contou com a presença de 16 deputados que se comprometeram em fortalecer a Frente neste novo mandato. A Coordenação Executiva do FBES pautou a necessidade de encaminhar os projetos de leis que tramitam na casa e a importância da concretização da Secretaria Especial de Economia Solidária.

Image

Foi consenso nas falas que o local institucional da economia solidária no governo federal requer um patamar a altura de sua proposta de desenvolvimento justo, sustentável e solidário para o país. A economia solidária por atingir diversos temas e demandas sociais demanda uma Secretaria Especial de Economia Solidária para responder a sua natureza e a transversalidade de suas políticas no governo.

“A economia solidária vai além do combate a pobreza, e coloca em pauta outro modelo de desenvolvimento, gerando uma sociedade comprometida com o futuro de seu país”, destacou Maribel Kauffmann.

Na relação com a erradicação da pobreza extrema a “economia solidária é o que dará consistência e eficácia para acabar com a miséria, como alternativa econômica ao país”, segundo Luiza Erundina. Para Singer, a economia solidária “é uma via para melhoria da qualidade de vida das pessoas, aonde as próprias pessoas, com a ajuda do estado, fazem esta conquista”.

Finalizando a mesa, o deputado Eudes Xavier destacou que a parceria entre o FBES com a Frente Parlamentar trará maior força para resposta às demandas da economia solidária, visto que a nova composição da Frente será mista, contando com cadeiras para o movimento social, na perspectiva de desenvolver um trabalho compartilhado e cooperado.

Estiveram no evento os/as deputados/as Elvino Bohn Gass (PT/RS), Marconi (PT/RS), Francisco Praciano (PT/AM), Newton Lima (PT/SP), Marcon (PT/RS), Luiza Erundina (PSB/SP), Paulo Pimenta (PT/RS), Assis do Couto (PR/PT), William Dib (PSDB/SP), Saguas Moraes (PT/MT), Padre Tom (PT/RO), Padre João (PT/MG), Claudio Poti (PT/PA), Fátima Bezerra (PT/RN), Jesus Rodrigues (PT/PI) e Clara Moraes (PT /GO).

As instituições presentes no evento: Instituto Marista de Soidariedade, Centro de Inclusão Rede Mulher,Unisol, Rede de Gestores da Economia Solisdária, Cáritas Diocesana, Movimento Nacional de Meminos e Meninas de Rua, Associação Entre Nós do DF, Central do Cerrado, CUT/DF, ONG Pátria Amada, Companhia Articum, Ancosol, Unicafes, Banco Palmas, Ministério do Desenvolvimento Agrário, Cáritas Nacional, Confesol/crehnor/RS.


Fonte: http://www.fbes.org.br/index.php?option=com_content&task=view&id=5774&Itemid=62

0sem comentários ainda

    Enviar um comentário

    Os campos são obrigatórios.

    Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

    Cancelar

    FBES - Fórum Brasileiro de Economia Solidária

    Brazil