Ir para o conteúdo
Mostrar cesto Esconder cesto
Voltar a Notícias
Tela cheia Sugerir um artigo

UFRB firma parcerias para desenvolver projetos sobre pesca artesanal

23 de Setembro de 2015, 12:48 , por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 234 vezes

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) firmou, no mês de agosto, uma parceria com a Organização não Governamental (ONG) RARE Brasil para implantar o “Programa Pesca para Sempre Brasil” nas reservas extrativistas marinhas da Baía do Iguape, no Recôncavo e de Canavieiras, no Sul do estado. O projeto visa garantir a sustentabilidade dos recursos pesqueiros nas comunidades de pescadores artesanais e também conta com o apoio do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e da Fundação Vovó do Mangue.  

A UFRB foi representada pelos professores Moacyr Serafim e Marcelo Freitas, ligados ao colegiado do curso de Engenharia de Pesca da instituição. Segundo o Serafim, o projeto contemplará cerca de trinta famílias de pescadores das comunidades de Capanema e Baixão do Guaí e pretende avaliar a captura por unidade de esforço (CPUE), o desembarque total anual espécies de moluscos bivalves, o preço pago aos pescadores e os custos e lucros diários da pesca da ostra nativa e lambreta. “Também vamos gerar dados sobre a biomassa e a diversidade de moluscos nas Áreas de Direito de Uso Territorial da Pesca (DUTEPE) e nas Áreas Sem Pesca (ASP)”, acrescenta.  

Na Baía do Iaguape, o projeto é coordenado pelo professor Moacyr Serafim com a participação dos professores Norma Barreto, Soraia Barreto, Carla Macedo, Clóvis Pereira e Renato de Almeida. Serafim acredita que o programa será importante para o desenvolvimento de pesquisas sobre a pesca artesanal no litoral da Bahia. “O programa também vai garantir a sustentabilidade dos recursos pesqueiros através do manejo adequado e alternativas como a ostreicultura (cultivo de ostras nativas) para as famílias contempladas”, revela.

RARE – É uma organização internacional com sede nos Estados Unidos e concentra-se nas experiências exitosas em conservação — esforços bem-sucedidos que merecem ser replicados. Ao longo das últimas décadas, a RARE vem demonstrando uma metodologia que adota soluções localmente empreendidas repetindo-as em outras comunidades espalhadas pelo mundo. Este modelo replicável permitiu à RARE transformar a mudança local em impacto global.


Fonte: http://www.ufrb.edu.br/agencia/cultura-e-extensao/4122-ufrb-firma-parcerias-para-desenvolver-projeto-sobre-pesca-artesanal-na-baia-do-iguape

0sem comentários ainda

    Enviar um comentário

    Os campos são obrigatórios.

    Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

    Cancelar

    UFRB

    Brazil