Ir para o conteúdo
Mostrar cesto Esconder cesto
Tela cheia Sugerir um artigo

Notícias

12 de Janeiro de 2009, 22:00 , por Desconhecido - | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Notícias publicadas no portal oficial da UFRB e clonadas nessa comunidade.

Coletânea com artigos de professores da UFRB aborda educação e relações etnicorraciais

28 de Novembro de 2014, 19:17, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

A coletânea de artigos Entre Narrativas e Metáforas: Direitos, Educação e Populações Negras no Brasil, fruto de parceria entre a Secretaria Estadual de Promoção da Igualdade Racial (SEPROMI), Universidade do Estado da Bahia (UNEB) e Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), reúne 10 artigos de pesquisadores negros sobre ações afirmativas, quilombos e lei 10.639/03, que inclui no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática ‘História e Cultura Afro-Brasileira’.

Dentre seus objetivos estão colaborar com a formação de professores da educação básica para a superação do racismo no espaço escolar e em outros segmentos da sociedade brasileira, contribuir com a socialização de experiências inovadoras de implementação da lei 10.639/03 e fortalecer reflexões sobre a conquista de direitos civis, socioculturais e políticos das populações negras do país.

A publicação foi lançada no dia 25 de novembro, na reitoria da Universidade Federal da Bahia (UFBA), em Salvador, como parte da primeira Conferência Internacional sobre Políticas Afirmativas para a Promoção da Igualdade Racial. Os autores são as professoras Ana Rita Santiago e Marluce de Lima Macêdo, responsáveis pela organização da coletânea, além de Ana Célia da Silva, Anália de Jesus Moreira, Geny Guimarães, Jean Adriano Barros da Silva, Juvenal de Carvalho Conceição, Maria Cecília de Paula Silva, Maria de Lourdes Siqueira, Ronaldo Crispim Sena Barros, Rosangela Souza da Silva e Roselice Maria da Silva van Gastel.

Com informações da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (SEPROMI).



Coletânea com artigos de professores da UFRB aborda educação e as relações etnicorraciais

28 de Novembro de 2014, 19:17, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

A coletânea de artigos Entre Narrativas e Metáforas: Direitos, Educação e Populações Negras no Brasil, fruto de parceria entre a Secretaria Estadual de Promoção da Igualdade Racial (SEPROMI), Universidade do Estado da Bahia (UNEB) e Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), reúne 10 artigos de pesquisadores negros sobre ações afirmativas, quilombos e lei 10.639/03, que inclui no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática ‘História e Cultura Afro-Brasileira’.

Dentre seus objetivos, estão colaborar com a formação de professores da educação básica para a superação do racismo no espaço escolar e em outros segmentos da sociedade brasileira, contribuir com a socialização de experiências inovadoras de implementação da lei 10.639/03 e fortalecer reflexões sobre a conquista de direitos civis, socioculturais e políticos das populações negras do país.

A publicação foi lançada no dia 25 de novembro, na reitoria da Universidade Federal da Bahia (UFBA), em Salvador, como parte da primeira Conferência Internacional sobre Políticas Afirmativas para a Promoção da Igualdade Racial. Os autores são as professoras Ana Rita Santiago e Marluce de Lima Macêdo, responsáveis pela organização da coletânea, Ana Célia da Silva, Anália de Jesus Moreira, Geny Guimarães, Jean Adriano Barros da Silva, Juvenal de Carvalho Conceição, Maria Cecília de Paula Silva, Maria de Lourdes Siqueira, Ronaldo Crispim Sena Barros, Rosangela Souza da Silva e Roselice Maria da Silva van Gastel.

Com informações da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (SEPROMI).



Seminário debate manejo de resíduos sólidos no Recôncavo

28 de Novembro de 2014, 18:44, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

O Seminário Internacional de Intervenção Socioambiental para o Manejo de Resíduos Sólidos no Território do Recôncavo ad Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) foi realizado na última quarta-feira, 26 de novembro, em Sapeaçu. O Encontro apresentou o projeto piloto de pesquisa referente ao manejo integrado de resíduos sólidos, em desenvolvimento no município sede do evento.

O projeto piloto faz o diagnóstico socioambiental de Sapeaçu e caracterização dos resíduos sólidos da cidade. A proposta é motivada para o atendimento da Política Nacional de Resíduos Sólidos, Lei Nº 12.305/10 e pela Política Nacional de Saneamento Básico, Lei Nº 11.445/2007. O professor Javier Martinez, do México, é colaborador do projeto e apresentou o tema: “A Gestão de Resíduos Sólidos na América Latina – o que há de novo em Sapeaçu”. Ele também apresentou a arquitetura da pesquisa integrada multidisciplinar e as diversas possibilidades de teses e dissertações que o tema possibilita

Na mesa de abertura, o vice-reitor da UFRB, Silvio Soglia; o prefeito de Sapeaçu, Jonival Junior; o secretário de Relações Institucionais do Estado da Bahia, Cícero Monteiro e o Superintendente de Saneamento da Bahia, Raimundo Neves, falaram sobre a necessidade de conscientização da população em relação à produção e descarte de resíduos sólidos, ao mesmo tempo que pontuaram a importância de iniciativas como a do Município de Sapeaçu. Completou a mesa, um dos coordenadores do projeto piloto, o professor da UFRB Jesus Delgado-Mendez. No Encontro, também estava presente a pró-reitora de Pesquisa e Pós-Graduação, Criação e Inovação (PPGCI), Ana Fermino Soares. Ao todo, 21 municípios fizeram parte do evento, por meio da representação de secretários e prefeitos. A sociedade civil e do território contribuíram com debate.

“A questão dos resíduos sólidos é um problema ambiental sério, tanto em relação a sua produção quanto ao saneamento. A UFRB colabora então com a força constitucional que ela possui, com pesquisa, extensão, estabelecimento de parcerias, além da presença dos servidores e estudantes”, declarou o vice-reitor. Em sua opinião, é fundamental que as atividades da Universidade reflitam na melhoria da condição de vida das pessoas do Recôncavo. Falou ainda sobre a importância da parceria com outras cidades do Recôncavo e agradeceu ao pioneirismo do município de Sapeaçu.

Para Valdíria Rocha, Assessora Especial da Reitoria para Assuntos de Território/UFRB e membro da equipe do projeto piloto, o objetivo é mudar o comportamento da sociedade: “mudar a cultura comunitária em relação a geração e descarte dos resíduos sólidos”. Ao final do evento, foi apresentado um documento de apoio técnico, financeiro e político para a elaboração e implantação do macro plano de saneamento básico dos municípios do Recôncavo.

O Laboratório de Intervenção Socioambiental (LIS) do Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (CCAAB-UFRB) também foi oficialmente apresentado à comunidade. O evento é promovido pela Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação, Criação e Inovação da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), em parceria com a Prefeitura de Sapeaçu, o Centro Público de Economia Solidária da Bahia (CESOL-Recôncavo), a Assessoria da Reitoria para Assuntos de Território e o Laboratório de Intervenção Socioambiental (LIS). A coordenação é dos professores Jesus Delgado e Renato Almeida do CCAAB. 

{gallery}noticias2014/semi-int-rs{/gallery} 

semi-int-rs



Campus da UFRB em Feira de Santana é tema de audiência pública

28 de Novembro de 2014, 15:41, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

O reitor da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), Paulo Gabriel Nacif, participou na manhã desta quinta-feira, 27, da audiência pública que discutiu a instalação da sede permanente do campus da UFRB em Feira de Santana, atendendo ao ofício de autoria das Comissões de Educação, Cultura, Saúde e Desportos e de Meio Ambiente, Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Câmara de Vereadores.

A audiência realizada no plenário da Casa Legislativa de Feira de Santana foi conduzida pelo vereador Pablo Roberto, que compôs a mesa juntamente com o reitor da UFRB, Paulo Gabriel Nacif; do reitor da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), José Carlos Barreto; do secretário municipal de Planejamento, Carlos Brito, e do deputado estadual Yulo Oiticica.

O encontro foi fomentado após a Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) aprovar o projeto de lei (PL 20.982/14) que autoriza a Fundação da Criança e do Adolescente (Fundac) a doar para UFRB o terreno de 33,2855 hectares, localizado no bairro do Aviário, para a instalação permanente do campus em Feira de Santana. A área está próxima ao Instituto Federal da Bahia (IFBA), bem como ao Centro Industrial do Subaé (CIS) e à BR 324.

O vereador Pablo Roberto, autor da iniciativa, abriu os trabalhos justificando a realização da audiência ao destacar que Feira de Santana precisava promover um amplo debate em torno da instalação permanente do campus da UFRB, uma vez que, segundo ele, trata-se de uma obra de grande interesse social, que fomentará o desenvolvimento da cidade.

O deputado Yulo Oiticica disse que a Assembleia Legislativa fez o seu dever ao aprovar o projeto que autoriza a Fundac a doar o terreno para UFRB. O parlamentar informou que a proposição foi aprovada em regime de urgência e por unanimidade. O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, José Ferreira Sales (Zé Grande), observou que muitas famílias de baixa renda almejam esse espaço de ensino superior e gratuito. O reitor da UEFS, José Carlos Barreto, afirmou que a instituição é parceira no projeto de expansão do ensino superior público. “Feira de Santana tem condições de abrigar mais de uma universidade pública”, disse. 

O secretário municipal de Planejamento, Carlos Brito, garantiu que o Governo Municipal não está omisso à instalação permanente do campus da UFRB, argumentando que, inclusive, já sugeriu algumas áreas para a construção do equipamento, mas foram consideradas inadequadas. “Infelizmente, o município não dispõe de capacidade financeira para desapropriação de uma área para implantação do campus, mas estamos à disposição no que a Universidade demandar tecnicamente”, disse o secretário.

O reitor da UFRB, Paulo Gabriel Nacif, fez um relato histórico da UFRB e da importância que ela representa no sistema de ensino superior na Bahia. De acordo com o reitor, o MEC ainda está avaliando a permissão para que seja realizada a instalação permanente do campus no espaço autorizado pelo projeto de lei. “Tratamos o campus da UFRB como universidade plena e vemos que a instalação em uma área maior será bastante positiva, porque nos permitirá ter um projeto de campus maior e mais ousado. Não podemos pensar a UFRB apenas para o presente, temos que planejar o campus de Feira para o futuro”, disse Nacif, afirmando que, caso não seja disponibilizada outra área, a UFRB será construída no terreno da Fundac, visando atender ao processo de ampliação da oferta de cursos de graduação e acesso ao ensino superior no interior do Estado.

Os vereadores Correia Zezito e José Carneiro; os professores da UFRB, Suzana Pimentel e Geraldo Costa; além de estudantes e membros da comunidade feirense, também se pronunciaram sobre o tema. O estudante Thiago Oliveira, do curso de Ciências Sociais da UFRB, disse “que a instalação permanente do campus da UFRB em Feira de Santana amplia o leque de possibilidades de escolhas da população feirense. Daí a necessidade de planejamento”, ponderou.

O evento contou ainda com a presença dos vereadores Edvaldo Lima, Ronny e Eremita Mota; do secretário adjunto da OAB, Mussolini Ferreira de Lima; e do professor Adroaldo Oliveira, representando a Associação dos Docentes da Universidade Estadual de Feira de Santana (Adufs). Na ocasião, diversos oradores fizeram sugestões propositivas de desapropriação de áreas maiores com cerca de 100 hectares e, nesse sentido, as autoridades presentes selaram o compromisso de fazer visitas aos espaços sugeridos e também ao campus provisório da UFRB em Feira de Santana.

Campus provisório - O campus da UFRB em Feira de Santana funciona, provisoriamente, no prédio do Instituto de Educação e Desenvolvimento (INED), localizado na Avenina Centenário, no bairro SIM. O Centro de Ciência e Tecnologia em Energia e Sustentabilidade (CETENS) já dispõe de 30 professores e a contratação de outros 90 já está autorizada. Atualmente, conta com os cursos de graduação de Licenciatura em Educação no Campo (com habilitações em Matemática e Ciência da Natureza) e Bacharelado Interdisciplinar em Energia e Sustentabilidade (BENS), além dos curso de especialização em Trabalho, Educação e Desenvolvimento para Gestão da Educação Profissional.

Confira fotos da audiência pública (colaboração Ascom/Câmara de Vereadores de Feira de Santana):

{gallery}noticias2014/audienciaufrbfeiradesantana{/gallery} 



UFRB lança edital de acesso a Licenciatura em Biologia para concluintes do Bacharelado

28 de Novembro de 2014, 13:45, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), por meio de sua Pró-Reitoria de Graduação (PROGRAD), torna pública a existência de vagas no curso de Licenciatura em Biologia para concluintes do Bacharelado, a serem preenchidas no segundo semestre de 2014. São ofertadas duas vagas na seleção pela modalidade de ampla concorrência. As inscrições seguem abertas até o dia 1º de dezembro.

Podem concorrer às vagas os discentes da UFRB que tenham integralizado o curso ou estejam formando no Bacharelado em Biologia. O diplomado neste curso tem o prazo máximo de quatro semestres para solicitar sua inscrição no processo seletivo para segunda diplomação. Os candidatos devem preencher a ficha de inscrição disponível no edital e entregar no Núcleo de Apoio Acadêmico do Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (CCAAB), campus de Cruz das Almas.

Caso o número de inscritos seja maior do que a oferta disponível, o número das vagas poderá ser ampliado pela PROGRAD, ouvido o Colegiado do Curso de Licenciatura. Em caso de empate na seleção serão adotados os seguintes critérios de desempate: menor número de disciplinas em que o discente tenha sido reprovado e maior idade. O resultado será divulgado até o dia 04 de dezembro nos quadros de avisos do CCAAB, no site do Processo Seletivo (PROSEL) e no site da PROGRAD.

Os candidatos classificados no limite das vagas devem confirmar sua matrícula entre os dias 07 a 09 de janeiro, das 8h às 12h e das 14h às 17h, na Superintendência de Regulação e Registros Acadêmicos (SURRAC), no campus de Cruz das Almas. O candidato convocado que por qualquer motivo não efetuar sua matrícula nos dias especificados perderá o direito à vaga. Os documentos necessários para a matrícula estão especificados no edital.

Confira o Edital Nº 17/2014 - Acesso ao curso de Licenciatura em Biologia para concluintes do Bacharelado.

Mais informações: www.ufrb.edu.br/prosel



Categorias

Bahia, Comunicação, Cultura, Formação, Marco Legal, Pesquisa e tecnologia, Políticas públicas, Relações internacionais, Saúde popular, Software, cultura e conhecimentos livres