Ir para o conteúdo
Mostrar cesto Esconder cesto
Tela cheia Sugerir um artigo

Notícias

12 de Janeiro de 2009, 22:00 , por Desconhecido - | 1 pessoa seguindo este artigo.
Notícias publicadas no portal oficial da UFRB e clonadas nessa comunidade.

Reitor da UFRB recebe ofício da União dos Estudantes da Bahia sobre ensino remoto

11 de Dezembro de 2020, 17:23, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

Reitor se reúne com representantes da União dos Estudantes da Bahia.

Nesta quinta-feira, dia 10, o reitor da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), professor Fábio Josué, recebeu representantes da União dos Estudantes da Bahia (UEB). A reunião aconteceu de forma retoma e fez parte da agenda de mobilizações do Dia Nacional em Defesa da Autonomia Universitária, apoiado por diversas entidades, como o Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (ANDES) e o Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica (SINASEFE), além de estudantes de todo o país.

A presidente da UEB, Layane Cotrim, entregou simbolicamente ao reitor um ofício da entidade sobre a adoção de atividades não presenciais no ensino superior público da Bahia. Intitulado “A universidade precisa continuar sendo pública, inclusiva e de qualidade”, o documento está dividido em seis tópicos: 1- A preservação da vida em primeiro lugar; 2- Acesso universal à Internet de qualidade é apenas o ponto de partida; 3- A democratização do acesso à internet e aos meios digitais deve ser uma realidade para além da crise sanitária; 4- As medidas e políticas referentes à graduação, pesquisa, extensão e permanência adotadas pelo ensino superior público durante a Pandemia; 5- Considerações a respeito da realidade pós-pandêmica letiva e acadêmica no ensino superior público da Bahia; 6 - Unidade em favor da Ciência, da Educação e da Permanência.

“Achamos importante contribuir nesse momento que é novo, que é atípico, e reafirmar nossa defesa da universidade pública e de qualidade, mas também autônoma, seja na sua gestão financeira, didático-científica ou administrativa”, disse Layane. Representante regional da UEB na UFRB, o estudante Lucinaldo Ribeiro destacou que a atual gestão da entidade está empenhada nas pautas dos estudantes e na construção de um diálogo propositivo com as instituições, “compreendendo as dificuldades da atual conjuntura, que coloca desafios para todos”.

O vice-presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE) na Bahia, Victor Santos, também destacou o apoio da entidade às pautas e agradeceu o acolhimento da UFRB aos estudantes. “A UNE, como todas as entidades estudantis, vem travando essa luta diariamente e está à disposição para o diálogo e a construção conjunta dos processos de luta”, disse. “Esse documento expressa exatamente o que os estudantes baianos pensam sobre o ensino remoto, mas também pode vir a ser complementado com novas contribuições a partir das experiências que teremos daqui pra frente”, ressaltou Santos.

Posicionamento da UFRB

Receptivo às falas, o reitor da UFRB Fábio Josué afirmou que, desde a suspensão das atividades presenciais no dia 17 de março em função da pandemia, todas as medidas que a Universidade adotou foram resultado de muito debate. “Era algo muito novo, complexo, e precisamos chamar um debate interno junto a nossa comunidade acadêmica para a construção das alternativas. Constituímos o Comitê de Acompanhamento e Enfrentamento à Covid-19; realizamos o levantamento da situação de acesso à internet e a meios digitais entre estudantes, professores e técnicos; e só então desenvolvemos nosso calendário de aulas remotas”, explicou.

Apesar das resistências iniciais, o reitor pontuou que o ensino remoto é uma situação emergencial, que se apresenta como uma possibilidade, neste momento de pandemia, de manter o vínculo do estudante com a Universidade. “Tivemos o cuidado de oferecer um semestre suplementar não obrigatório, mantendo todos os auxílios de permanência qualificada e lançando novos editais de apoio aos estudantes voltados à inclusão digital”, disse Fábio Josué. 

Ao final, o reitor parabenizou a UEB pela construção do documento e se colocou à disposição dos estudantes para o diálogo sobre as pautas apresentadas. Ele informou que o planejamento da UFRB para 2021 é oferecer o primeiro semestre também na modalidade de ensino remoto, com início em fevereiro, e os demais só serão definidos após uma nova avaliação do cenário epidemiológico.



Turma de tecnólogos em Agroecologia da UFRB cola grau pelo Pronera

8 de Dezembro de 2020, 5:03, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

formatura agroecologia

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) realizou na última sexta-feira, dia 04, a formatura da primeira  turma do curso de Tecnologia em Agroecologia. O curso é resultado de uma parceria com o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) e movimentos sociais.

Os 58 novos tecnólogos em Agroecologia pelo Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (Pronera) na Bahia colaram grau em cerimônia virtual. Iniciadas em 2015, as aulas foram ministradas no campus da UFRB, no município de Amargosa, na região do Vale do Jiquiriçá, e também na sede da Efase, situada em Monte Santo (BA), no território de identidade do Sisal. Foram duas turmas intituladas Antônio Conselheiro e Ana Primavesi.

A maioria dos futuros tecnólogos em Agroecologia são da Bahia, oriundos de assentamentos do sertão. Há também estudantes assentados e filhos de assentados vindos dos estados de Sergipe, do Espírito Santo e de Pernambuco.

O reitor Fábio Josué falou da sua satisfação em participar da formatura. "Hoje é dia de celebrar e agradecer. Nossa instituição muito se alegra em contribuir com os direitos da população dos povos do campo. Temos o desafio de fortalecer as ações já existentes e buscar altenativas para incorporar novas demandas que se colocam na educação do campo", comentou.

Vínculos

A presença da Escola Família Agrícola do Sertão no processo de formação acadêmica dos estudantes reforçou a ligação com as suas comunidades rurais. “Essa foi uma graduação vinculada com as demandas de comunidades sertanejas do campo, devido à integração com a Efase”, explica o coordenador do curso, Alex Verdério, pedagogo, mestre e doutor em Educação.

O Tempo Escola e o Tempo Comunidade, próprios dos cursos do Pronera, permitem ao educando obter a sua formação acadêmica sem o distanciamento dos seus locais de origem. Segundo Verdério, a maioria dos alunos abordou nos Trabalhos de Conclusão de Curso "essa conexão dos estudos relacionados às atividades produtivas, de comercialização e de desenvolvimento das comunidades às quais os discentes pertencem".

formatura agroecologia2

Transformação

Um dos formandos é o jovem Valdir Reis da Silva, filho de agricultores assentados na área de reforma agrária Alto Bonito, no município baiano de Cansanção, também situado no território de identidade do Sisal. Ele é o sétimo filho de uma família de 12 irmãos e o primeiro a conquistar um curso de nível superior.

Enfrentando as dificuldades e as estatísticas sem desanimar, sua jornada de desafios começou em 2012, quando iniciou o curso Técnico em Agropecuária pela Efase. Em seguida, Valdir emendou os estudos com a vaga conquistada na graduação em Tecnologia em Agroecologia.Dedicado aos seus ideais, já está trabalhando como monitor e professor da Escola Família Agrícola de Sobradinho (Efas), além de contribuir com a Rede das Escolas Famílias Agrícolas Integradas do Semiárido (Refaisa).

Para o jovem sertanejo, a educação de qualidade é um dos princípios básicos para transformação da sociedade. “As mudanças em minha vida são imensas, especialmente em dois aspectos: o acesso à graduação e à formação enquanto sujeito consciente”, enfatiza Valdir.

{youtube}qvGsDOIvyAs{/youtube}

 Informações da Assessoria de Comunicação Social do Incra/BA.



UFRB disponibiliza Glossário de Conceitos Acadêmicos presentes no SIGAA

7 de Dezembro de 2020, 17:32, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) disponibiliza a partir desta segunda-feira, 07, o Glossário de Conceitos Acadêmicos presentes no Sistema de Gestão de Atividades Acadêmicas (SIGAA). O documento é fruto das ações do Grupo de Trabalho para Dados Acadêmicos Institucionais, instituído pela Portaria nº 958, de 19 de setembro de 2020. Um dos objetivos desse grupo, multidisciplinar e multisetorial, foi construir um glossário para unificar a linguagem referente aos conceitos acadêmicos, adotada em diferentes setores da instituição.

Os conceitos inseridos no glossário foram extraídos do SIGAA. Esse sistema integra diferentes atores da vida acadêmica como discentes, docentes, servidores técnico-administrativos e se constitui como uma referência para a compreensão da dinâmica das atividades acadêmicas. “Buscamos utilizar definições sintéticas para cada conceito no intuito de tornar o material menos cansativo, de fácil acesso, sem perder de vista o necessário rigor no processo de conceitualização”, esclarece o grupo responsável, na apresentação do documento.

O documento está dividido em oito seções, ordenadas alfabeticamente, uma vez que a compilação dos conceitos em uma única seção poderia dificultar a interpretação do conjunto de informações. Trata-se de um texto em aberto, exploratório, que pretende integrar demandas futuras de novos conceitos, advindas de diferentes entes e setores da instituição. As sugestões de inclusão de novos conceitos podem ser encaminhadas para o e-mail: [email protected].

Confira o Glossário na íntegra.



UFRB empossa novos servidores técnico-administrativos e docentes em cerimônia remota

4 de Dezembro de 2020, 17:20, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

Cerimônia de posse foi presidida pelo reitor Fábio Josué e contou com a participação de outras autoridades.

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) empossou nesta sexta-feira, dia 04, os novos servidores técnico-administrativos e docentes que passam a compor o quadro efetivo da instituição para atuar em suas unidades administrativas e de ensino. A cerimônia de posse aconteceu de forma remota, com transmissão pela internet, seguindo as recomendações de distanciamento em decorrência da pandemia da Covid-19.

Foram empossados no cargo de professor: Bruno Olivetti de Mattos e Leticia Andrea Chechi, lotados no Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (CCAAB); Gabriele Costa Gonçaves e Luiz Henrique Santos Silva, lotados no Centro de Ciência e Tecnologia em Energia e Sustentabilidade (CETENS).

Dentre os técnicos administrativos, foram empossados Daiane Santos Bonifácio e Matheus Julio de Melo, no cargo de Tecnólogo/Gestão de Recursos Humanos, ambos lotados na Pró-Reitoria de Gestão de Pessoal (PROGEP); Stephanie Sousa Luz, no cargo de Técnica em Assuntos Educacionais, lotada na Pró-Reitoria de Políticas Afirmativas e Assuntos Estudantis (PROPAAE); e no cargo de Assistente em Administração, Gislane Brandão Alves, lotada na PROGEP; Liandra Souza da Silva, na Procuradoria Educacional Institucional (PEI); Maíra Moreira Peixoto Coelho, na Pró-Reitoria de Planejamento (PROPLAN), e Rodrigo Brito Santos, na Pró-Reitora de Pesquisa, Pós-Graduação, Criação e Inovação (PPGCI).

A cerimônia foi presidida pelo reitor Fábio Josué, que parabenizou os novos servidores pelo ingresso na UFRB e falou da importância em realizar esse momento de recepção, mesmo diante das dificuldades impostas pela pandemia. Na oportunidade, ele fez uma apresentação da Universidade aos empossados, ressaltando as conquistas e os novos desafios. “A UFRB é fruto de uma reivindicação histórica do povo de seu território e, durante toda a sua existência, ela provocou inúmeras transformações, seja através da formação em várias áreas do conhecimento, da inclusão social, da dinamização da economia regional. Nosso desafio agora é mantê-la de pé nessa conjuntura adversa, redirecionando nossos esforços”, encaminhou.

O pró-reitor de Gestão de Pessoal, Wagner Tavares, fez a leitura dos Termos de Posse e deu as boas-vindas aos novos servidores. “Expresso a minha satisfação e orgulho de recebê-los como colegas e por terem escolhido a UFRB para dar continuidade aos seus projetos pessoais. Nesse momento tão difícil e singular da nossa história e da história da humanidade é sempre saudável acolher pessoas que vêm reforçar aquilo que a nossa instituição tem de mais forte e mais importante: seu capital humano”, disse, em trecho do seu discurso.

O servidor Matheus Júlio de Melo falou em nome de todos os empossados e dedicou a conquista alcançada aos seus familiares e amigos. “É como muita alegria que hoje somos agraciamos pela realização desse sonho que parecia cada vez mais distante diante de tempos tão difíceis. Desejo que todos tenham uma boa caminhada e que sejam bem recepcionados como eu fui. A UFRB é uma casa que nos oferece suporte”, destacou Matheus, que já era servidor assistente da casa e agora ocupará cargo de Tecnólogo.

Presente durante a cerimônia, o vice-reitor José Mascarenhas fez uma avaliação do cenário em que os novos servidores agora se incluem e das perspectivas para atuação na UFRB. “Faço um chamamento a todos vocês para somar conosco na consolidação dessa Universidade que tem um papel extremamente significativo para o Recôncavo, o Vale do Jiquiriça e o Portal do Sertão no que diz respeito à transformação de vidas e geração de independência”, falou Mascarenhas. “Essa é uma Universidade de 15 anos que ainda terá uma longa caminhada. Nosso compromisso é fazer o nosso entorno e a nossa sociedade se transformar para melhor”, completou.

Também acompanharam a cerimônia de posse o chefe de Gabinete da Reitoria, Luiz Paulo de Oliveira; a secretária da Reitoria, Eliana Souza; a procuradora Educacional Institucional, Delma Oliveira; a diretora do Centro de Formação de Professores (CFP), Creuza Silva; o vice-diretor do CETENS, Odair Vieira; os pró-reitores de Administração, Rosilda Santana; de Planejamento, José Joaquim Ramos; de Políticas Afirmativas e Assuntos Estudantis, Carlos Alberto de Paulo; além de coordenadores e servidores da PROGEP e da Assessoria de Comunicação (ASCOM).



UFRB realiza seleção para equipes de suporte pedagógico do Programa UPT

2 de Dezembro de 2020, 17:19, por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), por meio da Pró-Reitoria de Extensão (PROEXT), torna público nova seleção para inscrições das equipe de suporte pedagógico para atuar no Programa Universidade para Todos (UPT) nos anos de 2020 e 2021.

São ofertadas 24 vagas para discentes que podem concorrer ao cargo de professor e de monitor. São oferecidas ainda 04 vagas para docentes que concorrerão para coordenação de áreas.

As incrições seguem abertas até 08 de dezembro de 2020 por meio do preenchimento do formulário online.

Confira o Edital nº 13/2020.

Projeto Universidade para Todos - O Projeto Universidade para Todos tem por objeto a preparação de alunos, que estão cursando o 3º ano do Ensino Médio da Rede Pública do Estado da Bahia e egressos, para o processo seletivo de acesso ao Ensino Superior, por meio de aulas ministradas por estudantes de universidades públicas baianas que atuarão na condição de monitores sob a coordenação de professores da Universidade federal do Recôncavo da Bahia.

Mais informações no site ufrb.edu.br/proext.



Categorias

Bahia, Comunicação, Cultura, Formação, Marco Legal, Pesquisa e tecnologia, Políticas públicas, Relações internacionais, Saúde popular, Software, cultura e conhecimentos livres

UFRB

Brazil