Ir para o conteúdo
Mostrar cesto Esconder cesto
Voltar a Notícias
Tela cheia Sugerir um artigo

Nota de repúdio do CONAC ao crime de racismo contra João Alberto

25 de Novembro de 2020, 22:49 , por UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 84 vezes

O Conselho Acadêmico da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (CONAC/UFRB) vem a público manifestar o seu veemente repúdio ao assassinato brutal de João Alberto Silveira Freitas, nas dependências do supermercado Carrefour, na cidade de Porto Alegre, no dia 19 de novembro do corrente ano.

Após o violento episódio, surgiram narrativas que buscaram descaracterizá-lo como crime de racismo e, como em outras ocasiões, tornar a vítima culpada. Infelizmente, para o povo negro, construções como estas não tem sido novidade, vez que uma das marcas do racismo estrutural é a sua capacidade de tratar a violência contra os corpos negros como natural e socialmente aceita. Assim, como nos tempos da escravidão, a presença negra nos espaços públicos e privados ainda parece ser um crime de cor e, por isso, banalizam-se às vidas negras.

A UFRB, majoritariamente negra, situada numa das regiões mais afrodescendentes do país, como instituição socialmente referenciada e politicamente comprometida, reafirma seu compromisso institucional na luta contra o racismo e todas as formas de discriminação, e na construção de uma sociedade plural, inclusiva e efetivamente democrática. Desse modo, a UFRB se coloca na trincheira da luta antirracista.

Cruz das Almas, 25 de novembro de 2020.

Fábio Josué Souza dos Santos
Presidente do CONAC/UFRB


Fonte: https://www.ufrb.edu.br/portal/noticias/6014-nota-de-repudio-do-conac-ao-crime-de-racismo-contra-joao-alberto

0sem comentários ainda

    Enviar um comentário

    Os campos são obrigatórios.

    Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

    Cancelar

    UFRB

    Brazil